Comunicações
25/07/2005
Forças Armadas
25/07/2005

TeleSur

A integração via satélite

Um antigo sonho dos presidentes Hugo Chávez e Fidel Castro saiu do papel e pode se transformar num grande instrumento de democratização das comunicações na América do Sul. Pelo menos é isso o que pensam aqueles que trabalharam para colocar no ar, a TeleSur.

A emissora iniciou suas transmissões para toda a região e para o México e Estados Unidos, que poderá receber o sinal em inglês, caso se confirmem as ameaças dos norte-americanos de boicotarem a emissora, através de sinais de rádio.

O grande objetivo daqueles que idealizaram a TeleSur é mostrar aos Estados Unidos que a América do Sul não é a região branca e preta exibida pelos canais norte-americanos.

Trata-se de uma região multicolorida, rica e capaz de lidar com seus problemas e suas dificuldades em benefício do seu povo, acreditam.

E a TeleSur nasce referendada por alguns os principais pensadores da esquerda latino-americana como Adolfo Pérez Esquivel [Prêmio Nobel da Paz], Eduardo Galeano, Ernesto Cardenal, Jorge Sanjinés, Fernando Morais, Pablo González Casanova, Alfredo Molano, Javier Corcuera, Luiz Britto García e Manuel Cabieses, entre outros.

Além deles, nomes de peso como do paquistanês Tariq Ali, do belga Michel Collon; o dominicano Chiquie Vicioso; o italino Gianni Miná, o francês Ignácio Ramonet, e o ator norte-americano Danny Glover, integram o Conselho Assessor da TeleSur.

Eles entendem que, mais importante que um emissora de esquerda é colocar no ar, uma emissora sul-americana, capaz de mostrar a realidade como ela é, sem menosprezar a inteligência das pessoas, como fazem as redes privadas.

Editor do Le Monde Diplomatique, Ignácio Ramonet, afirmou que os meios de comunicação estão em crise por adotarem um discurso único. Ele acredita que a TeleSur deverá produzir um noticiário de alto nível, pois as pessoas estão acostumadas ao modelo imposto pelas grandes redes.

“Uma das principais carências do mundo midiático atual é a qualidade. Se a TeleSur quiser vencer a batalha pela soberania comunicacional terá que lutar por ela”, enfatizou Ramonet. Richard Stallman, um dos norte-americanos que criaram o software livre, seguiu a mesma linha do jornalista francês.

“Se a emissora quiser se tornar uma realidade são necessárias pelo menos duas coisas: apresentar outras idéias e fazer com que elas sejam ouvidas. A TeleSur não pode ser assistida apenas por intelectuais”, disse. Ele confirmou que os Estados Unidos querem enviar sinais de rádio para neutralizar o sinal de satélite da TeleSur.

O ator norte-americano Danny Glover, quer ver a TeleSur produzindo um jornalismo capaz de integrar os povos da América Latina e as diferentes realidades, para enfrentar o que chamou de o ‘gigante do Norte’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *