Brasília, 18 de outubro de 2018 - 03h18

Acordo militar Brasil – Estados Unidos

12 de agosto de 2010
por: InfoRel

O Secretário de Política, Estratégia e Assuntos Internacionais, do ministério da Defesa, brigadeiro Marco Aurélio Gonçalves Mendes, explicou que o acordo Colômbia – Estados Unidos continua na pauta do Conselho de Defesa Sul-Americano (CDS).



Em julho, representantes dos 12 países discutiram o conteúdo de uma publicação da Força Aérea dos Estados Unidos sobre o uso de bases militares na Colômbia.



Mendes destaca que uma resolução do CDS obriga todos os países a incluírem em seus acordos de cooperação em Defesa, uma cláusula de garantia à soberania e territorialidade dos demais.



Segundo ele, o acordo militar firmado pelo Brasil com os Estados Unidos, foi o primeiro a incluir essa cláusula.



Mendes também explicou que por ser um acordo quadro, os respectivos ministérios de Relações Exteriores também estão envolvidos.



Para o militar, a forma como o Brasil conduziu o assunto contribuiu para evitar tensões como as que a Colômbia viveu.



“O acordo Brasil – Estados Unidos foi antecipado aos países vizinhos de forma pessoal. O ministro Nelson Jobim falou com cada um deles e a nossa diplomacia trabalhou antecipadamente. Adotamos uma postura de consideração com os países vizinhos. Tivemos uma atitude proativa”, destacou.

Assuntos estratégicos

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...