Agenda

Equador aumenta presença militar na fronteira com
02/01/2012
Cooperação Sul-Sul: capacidades e necessidades
04/01/2012

ALADI terá Observatório Ásia-Pacífico

ALADI terá Observatório Ásia-Pacífico

Brasília – A Associação Latino-Americana de Integração decidiu coordenar com conjunto com os demais organismos sub-regionais a criação de um Observatório dos Países do Fórum Econômico Ásia-Pacífico (APEC).

Para o Secretário-Geral da ALADI, Carlos Alvarez, as relações da América Latina com a Ásia-Pacífico, tem um impacto especial os modelos de desenvolvimento.
De acordo com Alvarez, a ALADI pretende envolver a CEPAL, UNASUL e a recém criada CELAC, neste processo. O objetivo é que haja um monitoramento permanente sobre comércio, investimentos, tratados de associação e potenciais de importação e exportação.

Na visão da ALADI, a América Latina e o grupo de países da Ásia-Pacífico são os únicos crescem de forma sustentável e isso exige uma importância estratégia maior.

O futuro Observatório terá de enfrentar com êxito os desafios e oportunidades que oferece a Ásia-Pacífico para as nações latino-americanas.

Criada em 1980, a ALADI é integrada por Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, México, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. Nicarágua e Panamá estão em processo de adesão.

Já a APEC com 21 países, entre eles, Austrália, Canadá, Chile, China, Estados Unidos, Indonésia, Japão, Malásia, México, Peru, Rússia, Cingapura, Tailândia e Vietnã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *