Relações Exteriores

CNI quer lei do gás natural aprovada em 2006
13/05/2006
UE-Mercosul – Comunicado Conjunto
13/05/2006

Alencar representa Lula na posse de René Préval

Alencar representa Lula na posse do presidente do Haiti

O vice-presidente, José Alencar, chefia a missão do governo brasileiro por ocasião da posse do presidente eleito do Haiti, René Préval, que se realiza neste domingo, 14. Alencar vai a Porto Príncipe depois de passar por Costa Rica e Guatemala. As visitas têm por objetivo aprofundar o relacionamento do Brasil com a América Central e o Caribe.

Durante o governo Lula, as exportações brasileiras e o fluxo de comércio com a região cresceram em cerca de 100%. Os países da América Central e Caribe têm especial interesse no campo da tecnologia brasileira para a utilização do etanol combustível.

Entre 28 de maio e 3 de junho, o tema será objeto de uma missão dos ministros do Desenvolvimento, Indústria e Comércio e das Minas e Energia à América Central.

Na Costa Rica, José Alencar representou o presidente Lula na posse do presidente eleito Oscar Arias Sánchez, quando aproveitou para estreitar as relações com líderes políticos e empresariais da América Central.

Na Guatemala, Alencar esteve reunido com o vice-presidente Eduardo Stein Barillas, dando continuidade ao diálogo de alto nível estabelecido durante as visitas do presidente Lula à Guatemala, em setembro de 2005, e do presidente Oscar Berger ao Brasil, em março de 2006.

Esses encontros foram precedidos pelas visitas do chanceler Celso Amorim à Guatemala em abril de 2004 e do chanceler Jorge Briz ao Brasil em outubro do mesmo ano.

Brasil e Guatemala pretendem intensificar o intercâmbio em políticas de combate à fome, implementação de uma agenda comum latino-americana para erradicar a fome e a pobreza na região e o aprofundamento da cooperação em tecnologias de biocombustíveis, particularmente o etanol.

Minustah

Segundo o ministério das Relações Exteriores, a presença do vice-presidente na cerimônia de posse de René Préval, “reveste-se de especial relevância, tendo em vista a contribuição do governo brasileiro ao processo de estabilização e consolidação da democracia haitiana”.

O Brasil tem participação de destaque na Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (Minustah), comandada pelo general José Elito Carvalho Siqueira e com a presença de um efetivo militar de 1.223 soldados. Além disso, no plano bilateral, o Brasil tem procurado promover iniciativas de cooperação nas áreas de saúde, agricultura, programas sociais, educação, esporte, cooperação técnica, dentre outras.

“O governo brasileiro continuará empenhado em contribuir para a estabilidade, o desenvolvimento econômico e social e a revitalização das instituições haitianas”, assegura o Itamaraty.

Capacitação em Defesa Civil para países caribenhos

Na próximas duas semanas, o Brasil estará promovendo cursos de capacitação em defesa civil para 21 técnicos de nove países do Caribe e do Sistema Regional de Segurança. Os cursos serão ministrados em Brasília, Florianópolis, Rio de Janeiro e Recife.

Esta é uma iniciativa do Itamaraty, desenvolvida em conjunto com a Secretaria Nacional de Defesa Civil do ministério da Integração Nacional, e resultado dos desdobramentos da missão realizada pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e pela Divisão do México, América Central e Caribe aos países da região, em outubro de 2005.

O objetivo da capacitação será o de apresentar aos participantes o conteúdo teórico das ações de defesa civil no Brasil e as experiências na área do Distrito Federal, do Rio de Janeiro, de Santa Catarina e de Pernambuco.

Participam técnicos das Bahamas, Antígua e Barbuda, São Cristóvão e Névis, Dominica, Barbados, São Vicente e Granadinas, Santa Lúcia, Granada e Trinidad e Tobago, além de especialistas do Sistema de Segurança Regional, que tem sede em Bridgetown, Barbados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *