Defesa

Programa Espacial
23/03/2011
Chanceler explicará posição do Brasil no conflito
24/03/2011

Defesa

Aprovado acordo Brasil – França para construção de submarinos

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado Federal aprovou nesta quinta-feira, 24, o acordo de cooperação firmado entre Brasil e França que permitirá a construção de quatro submarinos convencionais e um nuclear para a Marinha brasileira.

Em 2009, o Senado Federal aprovou a contratação de empréstimo internacional para viabilizar o Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub), orçado em R$ 19 bilhões.

O submarino nuclear só deve estar pronto por volta de 2021.

A cooperação abrange os métodos, as tecnologias, as ferramentas, os equipamentos e a assistência técnica em todas as etapas do projeto de submarinos convencionais do tipo Scòrpene, bem como de um submarino com armamento convencional destinado a receber reator nuclear.

Também a construção de um estaleiro onde serão construídos os submarinos e de uma base naval capaz de abrigá-los.

O acordo assegura a transferência de tecnologia relativa ao projeto e o apoio francês à concepção e construção da parte não nuclear do submarino SNBR.

A cooperação deverá durar três anos após o primeiro mergulho estático do SNBR e não poderá exceder o limite de 25 anos.

O governo brasileiro considerou a necessidade detectada pela Marinha de submarinos de propulsão nuclear, que poderão promover a vigilância mais adequada das águas profundas da plataforma continental brasileira, onde se encontram os campos de petróleo da camada pré-sal, e a decisão da França de oferecer a sua tecnologia.

O projeto do submarino nuclear está 15 anos atrasado e poderá ser desenvolvido num ritmo mais lento após o anúncio pelo governo de um corte de mais de R$ 4 bilhões do Orçamento da Defesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *