Brasil

Livre Comércio
26/04/2016
Política
26/04/2016

Política

Argentina acompanha a crise no Brasil com respeito ao processo institucional

Brasília – O governo argentino acompanha o desenrrolar da crise política no Brasil com respeito ao processo institucional, afirmou nesta terça-feira, 19, o chefe de gabinete do presidente Mauricio Macri, Marcos Peña. Ele também revelou que o presidente argentino tem mantido diálogo fluido com a presidente Dilma sobre o avanço do processo de impeachment no Congresso brasileiro.

“Seguimos com interesse o que acontece no Brasil. Vamos monitorando o processo por meio das respectivas chancelarias. No final de semana, o presidente conversou com Dilma Rousseff”, explicou Peña. O funcionário da Casa Rosada fez questão de esclarecer que a postura argentina “é sempre a mesma, de respeito ao processo institucional que vive o Brasil, onde as instituições estão funcionando”.

Marcos Peña também foi claro ao afirmar que “corresponde o respeito à institucionalidade, à independência e à autonomia ante o processo político do Brasil”.

O governo argentino não se pronunciou sobre a proposta do Uruguai que preside o MERCOSUL, para que os países membros discutam a possível suspensão do Brasil do bloco por supostamente ferir a Cláusula Democrática prevista no Tratado.

O Paraguai já informou que não firmará nenhum documento com este objetivo por entender que o processo político contra Dilma Rousseff é um tema interno do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *