Mundo

Diplomacia & Negócios
01/03/2016
Modelo Econômico
01/03/2016

Política

Argentina recebe apoio dos EUA, China e Europa para reformas econômicas

Brasília – Os ministros das Finanças e Economia dos países membros do G-20 transmitiram nesta segunda-feira, 29, um “forte respaldo” ao governo argentino pelas reformas econômicas que estão sendo implementadas no país. O ministro da Fazenda da Argentina, Alfonso Prat-Gay, e o vice-ministro Pedro Lacoste, receberam este apoio, especialmente dos Estados Unidos, China e dos países da União Européia, durante reunião do grupo em Xangai, na China.

A reunião de ministros é preparatória para a Cúpula Presidencial que se realizará no segundo semestre. Durante a reunião, Pray-Gay reuniu-se reservadamente com seus homólogos dos Estados Unidos, Alemanha, Espanha, e Itália, além do Secretário-Geral da OCDE e o Comissário Europeu para Finanças e Competitividade.

“Todos eles transmitiram o apoio das autoridades dos seus países às políticas econômicas que está desenvolvendo o presidente Mauricio Macri”, afirmou Prat-Gay. Com o Secretário do Tesouro norte-americano, Jacob Lew, foi discutida a agenda que o presidente Barack Obama terá em Buenos Aires nos dias 23 e 24 de março, além de aspectos do acordo firmado pela Argentina com os chamados “Fundos Abutres”. Para os Estados Unidos é fundamental ainda a cooperação argentina em temas como lavagem de dinheiro e financiamento ao Terrorismo.

Prat-Gay também se reuniu com o presidente do Banco Central da China, Zhou Xiaochuan; com o ministro da Fazenda da Alemanha, Wolfgang Schuble; com o ministro da Economia e Competitividade da Espanha, Luis de Guindos; e José Ángel Gurría, chefe da OCDE que convidou a Argentina para a reunião da organização a realizar-se em junho deste ano. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *