Relações Exteriores

Integração Regional
22/12/2015
Diplomacia
29/12/2015

Integração Regional

Bachelet reconhece que o Mercosul contribui com o desenvolvimento chileno

Marcelo Rech, especial de Assunção

A presidente Michele Bachelet reconheceu que o Mercosul contribui com o desenvolvimento econômico e comercial chileno e destacou que 48% do investimento comercial do Chile se dá justamente nos países do bloco sul-americano. Por outro lado, ela não deu qualquer sinal de que o Chile pretenda tornar-se membro pleno do Mercosul.

O Chile é um dos países que mais acordos de livre comércio tem em todo o mundo. Integrar o bloco como membro pleno significa perder essa capacidade de negociar bilateralmente.

Segundo ela, “desde o início, o Mercosul econômico e comercial beneficia o meu país. O Chile investe cerca de US$ 40 bilhões nos países que compõem do bloco que é o nosso 4º principal parceiro comercial”, explicou.

Bachelet assegurou ainda que o Chile sempre acreditou na integração e na abertura econômica como elementos fundamentais na luta contra a pobreza. “Entendemos que na região há diferenças políticas e de organização econômica e acreditamos que é indispensável a convergência para avançarmos em vários temas”, concluiu.

A presença de Michele Bachelet foi interpretada como um aceno importante da Aliança do Pacífico ao Mercosul. Ela assumirá em 2016 a presidência do bloco que conta ainda com Colômbia, México e Peru e do qual Uruguai e Paraguai já são membros observadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *