Brasília, 20 de outubro de 2018 - 21h47

Brasil - EUA

08 de fevereiro de 2012
por: InfoRel

Brasília - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, receberá a presidente brasileira Dilma Rousseff na Casa Branca no dia 9 de abril, segundo informações do governo norte-americano.



Inicialmente, a visita deveria ocorrer em março. Esta será a segunda vez que os dois se encontram. Logo que Dilma assumiu o poder, Obama esteve em Brasília.



O encontro serviu para que os dois países reabrissem os canais de diálogo interrompidos nos últimos meses da gestão Lula.



Os Estados Unidos esperam que Dilma sinalize positivamente à compra do caça F-18 Super Hornet, fabricado pela Boeing. O avião está entre os três finalistas de uma concorrência interminável da Força Aérea Brasileira.



No entanto, a decisão não deverá ser anunciada em 2012. O mais provável é que o Brasil adquira aviões usados para substituir parte dos Mirage 2000 que serão aposentados.



Na conversa com Obama, não está descartada a compra de algum modelo norte-americano.



Dilma Rousseff também deverá tratar de temas comerciais, os mesmos discutidos em Brasília. Os produtos brasileiros ainda enfrentam muitos problemas para entrar no mercado norte-americano.



Reforma do Conselho de Segurança das Nações Unidas, Rio+20, Oriente Médio e Cuba, também são temas que deverão ser postos à mesa.



A presidente brasileira também visitará a Universidade de Harvard e o Massachusetts Institute of Technology (MIT), para discutir possibilidades de parcerias com universidades brasileiras no âmbito do Programa Ciência Sem Fronteiras.



Agenda



Antes da viagem aos Estados Unidos, Dilma Rousseff irá à Alemanha e Índia, no mês de março.



Nos dias 5 e 6, ela estará em Hannover para encontro com a chanceler alemã, Angela Merkel. Dilma também conhecerá a Feira Internacional de Tecnologia da Informação, Telecomunicações, Software e Serviços (CeBIT), que neste ano tema a parceria do Brasil.



Entre 28 e 30 de março, ela participa da 4ª Cúpula do BRICs (grupo que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), em Nova Déli, na Índia.



Em junho, a presidente irá ao México para a reunião do G-20, nos dias 18 e 19, e estará de volta ao Brasil para a abertura da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que começa no dia 20 no Rio de Janeiro.

Assuntos estratégicos

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...