Brasília, 18 de dezembro de 2018 - 18h22

Brasil e Bolívia firmam cooperação para o combate

30 de maro de 2011
por: InfoRel
Compartilhar notícia:



O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, assinou nesta quarta-feira, 30, acordo de cooperação com a Bolívia para o combate ao narcotráfico.



 



A cerimônia coincidiu com a apreensão de duas toneladas de cocaína e a prisão de 35 pessoas, além de armas e dinheiro, resultado de operações conjuntas realizadas desde segunda-feira na fronteira entre os dois países.



 



No Brasil, há preocupação com o aumento crescente do volume de drogas que ingressa no país vinda da Bolívia.



 



José Eduardo Cardozo esteve em Puerto Suárez onde acompanhou as operações dos Veículos Aéreos Não-Tripulados (Vants) utilizados no Brasil em operações contra o narcotráfico.



 



Brasil e Bolívia decidiram ainda reativar as comissões de fronteira que lidam diretamente com os objetivos binacionais contra o narcotráfico, o crime organizado, o tráfico de armas, o contrabando e o tráfico de pessoas.



 



No dia 28 de abril, Puerto Suárez e Corumbá, receberão autoridades dos dois países quando serão discutidas medidas de combate aos ilícitos e que contribuam com o desenvolvimento dos municípios fronteiriços.



 



Segundo José Eduardo Cardozo, “a integração das equipes técnicas, a realização de cursos de formação conjunta para policiais e militares da Bolívia e do Brasil fortaleceram os nossos objetivos na luta contra o crime organizado”.



 



Estados Unidos



 



Brasil e Bolívia não descartam implementar uma cooperação trilateral com a assinatura de acordos que incluam os Estados Unidos neste esforço. Também o Peru será chamado a participar.



 



Cardozo deixou claro que o Brasil não pretende substituir a Agência Antidrogas dos Estados Unidos (DEA), expulsa da Bolívia em 2008.



 



Na segunda-feira, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, afirmou que o Brasil ajudará a Bolívia a combater o narcotráfico para que o crime organizado não ganhe na América do Sul as proporções que alcançou no México e na América Central.



 



Patriota explicou ainda que o Brasil pretende ampliar a cooperação para o combate ao narcotráfico com todos os países membros da União das Nações Sul-Americanas (UNASUL).



Assuntos estratégicos

Senado aprova projeto de combate ao Terrorismo e à lavagem de dinheiro

Senado aprova projeto de combate ao Terrorismo e à lavagem de dinheiro

Brasília – O Senado aprovou nesta quarta-feira, 12, o projeto de lei da senadora Ana...
Foz do Iguaçu terá sistema pioneiro de migração fronteiriça

Foz do Iguaçu terá sistema pioneiro de migração fronteiriça

Brasília - A fronteira de Foz do Iguaçu com a Argentina será a primeira do...
Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Brasília – O Projeto de Lei que proíbe a concessão de visto e determina a...
Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasília – O governo federal, por meio da Agência Espacial Brasileira (AEB) quer...
Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

O Senado do Paraguai postergou para março de 2019 a análise de três projetos de...
Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Na última terça-feira, 4, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o ministro...
Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...