Brasil e Rússia ampliam a cooperação em defesa
21/10/2013
Congresso ouvirá comandantes militares sobre a sit
05/11/2013

COSBAN

Brasil e China fortalecem cooperação espacial

Brasília – A Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação (Cosban), que se reúne nesta quarta-feira, 6, em Cantão, província de Guangdong, na China, deve ampliar e fortalecer a parceria entre Brasil e China na área espacial com a assinatura do plano decenal, válido de 2013 a 2021, pelo qual se comprometem a construir satélites meteorológicos – categoria não inclusa no programa Satélite Sino-Brasileiro de Recursos Terrestres (CBERS).

A delegação brasileira é chefiada pelo vice-presidente Michel Temer. O encontro é o terceiro da Cosban, após edições em Pequim, em 2005, e Brasília, em 2012.

De acordo com a Agência Espacial Brasileira (AEB), trata-se do mecanismo de mais alto nível de diálogo regular entre os dois países. A Cosban se divide em 11 subcomissões, responsáveis pela agenda bilateral nos campos político; econômico-comercial; econômico-financeiro; de inspeção e quarentena; de agricultura; de energia e mineração; de ciência, tecnologia e inovação; espacial; de indústria e tecnologia da informação; cultural; e educacional.

Na reunião da Cosban, os dois países devem tratar, além do tema espacial, do Centro Brasil-China de Pesquisa e Inovação em Nanotecnologia, inaugurado em agosto de 2012, da criação de entidade binacional semelhante em biotecnologia e da adesão brasileira à Rede Internacional do Bambu e do Ratã (Inbar), em fase de tramitação no ministério das Relações Exteriores.

A subcomissão de ciência, tecnologia e inovação se reuniu a semanas passada no Itamaraty, e discutiu aspectos da cooperação bilateral em biotecnologia, nanotecnologia e parques tecnológicos. Brasileiros e chineses preparam um relatório que será entregue no encontro da Cosban.

Já a subcomissão espacial tem reunião marcada para esta terça-feira, 4, em Pequim, a fim de aprovar detalhes finais do plano decenal a ser assinado em Cantão.

Em relação ao CBERS-3, o lançamento do satélite está previsto para as 11h do dia 10 de dezembro, no horário de Pequim (0h, em Brasília).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *