Relações Exteriores

Ciência e Tecnologia
03/06/2014
Minustah
03/06/2014

Comércio Exterior

Brasil e China vão fortalecer comércio bilateral de serviços

Brasília – Brasil e China trabalharão em um Memorando de Entendimentos que busca o incremento do comércio bilateral de serviços, como transporte de cargas e logística, por exemplo. Também está prevista a troca de experiências quanto à capacitação de trabalhadores do setor privado visando a qualidade no atendimento ao consumidor.

O assunto foi tratado pelo Secretário de Comércio e Serviços do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Humberto Ribeiro, que participou no último fim de semana em Pequim, na China, da Reunião Bilateral Brasil-China sobre Comércio Exterior de Serviços. O encontro aconteceu no Ministério do Comércio da República Popular da China (MOFCOM) e reuniu autoridades dos dois países.

Segundo ele, "Brasil e China são parceiros comerciais de grande peso na economia global de bens e mercadorias, com corrente de comércio da ordem de US$ 75 bilhões ao ano. Porém, o setor de serviços contribui ainda de forma subsidiária na relação entre os dois países, com volume de menos de US$ 700 milhões em 2013".

De acordo com Ribeiro, os setores com potencial de maior crescimento nas trocas comerciais são de serviços esportivos, de TI, audiovisuais, turismo, outsourcing, e de P&D. O memorando pressupõe a participação do setor privado de ambos os países em grupos focais específicos para cada segmento.

A comitiva do MDIC foi recebida pelo vice-ministro de Comércio da China, Fang Aiqing e foi integrada também pelo embaixador brasileiro na China, Valdemar Carneiro Leão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *