Atlântico Sul
29/02/2012
Escola de Paz `Sérgio Vieira de Melo´ busca apoio
29/02/2012

Brasil e Colômbia discutem logística para resgate

Brasil e Colômbia discutem logística para resgate de reféns das Farc

Brasília – Nesta quarta-feira, 29, o vice-ministro da Defesa da Colômbia, Jorge Enrique Bedoya, se reunirá com integrantes do Comitê Internacional da Cruz Vermelha e o embaixador do Brasil em Bogotá, Antonino Mena Gonçalves, para acertar os detalhes da operação de resgate de reféns das Farc.

Ainda não há uma data para a operação, mas os cerca de 20 militares do Exército brasileiro e as duas aeronaves que serão utilizadas, irão aguardar as coordenadas em São Gabriel da Cachoeira (AM).

O resgate será em solo colombiano e os reféns serão entregues aos militares daquele país.

De acordo com o ministério da Defesa da Colômbia, as Farc prometeram entregar pelo menos dez militares que estão seqüestrados há mais de dez anos.

O ministério da Defesa da Colômbia irá ajustar a operação aos protocolos da Cruz Vermelha para operações humanitárias e não permitirá a “espetacularização” da liberação dos reféns.

A participação do Brasil se dá justamente pela discrição dos militares envolvidos na operação.

Jorge Enrique Bedoya também se reunirá com a ex-senadora Piedad Córdoba, que integra a ONG Colombianos e Colombianas pela Paz, responsável pelos contatos com a guerrilha das Farc.

Em relação à declaração das Farc de renunciar aos seqüestros para iniciar um processo de diálogo com o governo colombiano, o presidente Juan Manuel Santos preferiu não demonstrar nenhum otimismo.
Na avaliação de Santos, este passo é importante, mas não é suficiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *