Brasília, 13 de dezembro de 2018 - 19h37

Brasil e Espanha discutem expropriações e reciproc

16 de maio de 2012
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - Os ministros de Relações Exteriores do Brasil, Antonio Patriota, e da Espanha, José Manuel García-Margallo, se reúnem nesta quarta-feira, 16, em Brasília para discutir o processo de expropriações enfrentado por empresas espanholas na América do Sul e a adoção do princípio da reciprocidade pelo Brasil em relação aos espanhóis que visitam o país.



O tema das expropriações também foi tratado por Patriota com o chanceler argentino Hector Timerman com quem se reuniu nesta terça-feira, 15.



García-Margallo realiza visita de três dias ao Brasil. Além de Brasília, ele vai a São Paulo e Rio de Janeiro onde se encontra com empresários espanhóis e autoridades locais.



O chanceler espanhol pretende reduzir as tensões entre a Espanha e o Brasil por conta das inadmissões de brasileiros que chegam ou simplesmente passam pelos aeroportos espanhóis.



Como resposta, espera que o Brasil retire as exigências feitas aos seus nacionais, as mesmas cobradas pelas autoridades de imigração da Espanha.



Em abril, o Brasil adotou medidas de reciprocidade que aumentam o rigor para o ingresso de turistas espanhóis no país, mas o Itamaraty evita usar a expressão "retaliação".



Cerca de 160 mil brasileiros vivem na Espanha. Em toda a Europa, são quase 900 mil.



Um diplomata brasileiro explicou ao InfoRel que o país não questiona as inadmissões, mas o tratamento dispensado aos brasileiros barrados nos aeroportos espanhóis. A maioria relata casos de discriminação e preconceito.



Um grupo de parlamentares estuda discutir o assunto no âmbito das violações aos direitos humanos caso não haja avanços nas negociações entre os dois países.



Além desses temas, os dois ministros pretendem examinar a agenda bilateral de cooperação, os fluxos de investimentos e comércio, parcerias em educação, ciência, tecnologia e inovação, e cooperação trilateral em benefício de países latino-americanos e africanos.



Patriota e García-Margallo discutirão ainda assuntos da agenda internacional como a crise na Síria, a retomada das negociações em torno do programa nuclear do Irã, e as perspectivas para a Conferência Rio+20 que acontece no Brasil em junho.



De acordo com o Itamaraty, a Espanha tem um estoque de investimentos no Brasil que chega aos US$ 85 bilhões. Trata-se do segundo maior investidor no país.



No ano passado, o volume de comércio entre os dois países alcançou os US$ 7,9 bilhões, um aumento de 20% em relação a 2010.



 

Assuntos estratégicos

Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Brasília – O Projeto de Lei que proíbe a concessão de visto e determina a...
Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasília – O governo federal, por meio da Agência Espacial Brasileira (AEB) quer...
Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

O Senado do Paraguai postergou para março de 2019 a análise de três projetos de...
Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Na última terça-feira, 4, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o ministro...
Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...