Brasília, 16 de janeiro de 2019 - 17h33
Brasil e EUROPOL têm acordo de cooperação aprovado na CREDN

Brasil e EUROPOL têm acordo de cooperação aprovado na CREDN

13 de dezembro de 2018
por: Marcelo Rech
Compartilhar notícia:

Brasília – As relações de cooperação entre o Brasil e o Serviço Europeu de Polícia (Europol) e o Brasil tendem a se aprofundar com a aprovação do acordo de Cooperação firmado em Haia, em 11 de abril de 2017. O texto visa contribuir para a prevenção e o combate ao crime organizado, ao terrorismo e a outras formas de crime internacional.

Para tanto, prevê o intercâmbio de informações operacionais, estratégicas e técnicas entre a Europa e o Brasil, inclusive por meio da designação de pontos de contato e de oficiais de ligação. O acordo não abrange o intercâmbio de dados pessoais. O relator da matéria, deputado Subtenente Gonzaga (PDT-MG),

Segundo ele, “o Acordo será um poderoso instrumento de combate ao crime organizado transnacional ao estreitar os laços entre o Brasil e a União Europeia nesse terreno, possibilitando o cerco internacional às raízes criminais. É possível concluir que esse ato internacional, em sua essência, representa medida essencial para o combate ao crime organizado na sua feição internacional”, afirmou.

O ponto central de contato entre a Europol e outras autoridades competentes do Brasil, é o Serviço de Cooperação Policial Internacional da Polícia Federal. “Importante destacar que o acordo prevê o intercâmbio de informações operacionais, estratégicas e técnicas entre a Europa e o Brasil, que terá impacto na neutralização das organizações do crime organizado transnacional”, destacou o deputado.