Defesa

Exército
02/07/2013
Brasil não deverá conceder asilo político para ex-
02/07/2013

Brasil e Libéria terão cooperação em Defesa

Brasil e Libéria terão cooperação em Defesa

Brasília – Brasil e Libéria terão acordo de cooperação em Defesa. Foi o que os ministros da Defesa do Brasil, Celso Amorim, e da Libéria, Brownie Samukai, debateram, no dia 26 em Brasília. Os dois examinaram o potencial principalmente no treinamento militar de praças e oficiais do país africano. O Brasil tem interesse em fortalecer as Forças Armadas da Libéria, que estão sendo reestruturadas após duas guerras civis.

Celso Amorim lembrou que o Brasil tem intensificado as relações com a Libéria em várias áreas como agricultura e formação profissional e está preparado para apoiar também nas áreas de defesa e segurança.

O ministro da Defesa da Libéria, Brownie Samukai, explicou que, desde 2006, quando o governo de seu país se reorganizou, oficiais das Forças Armadas vêm sendo treinados em instituições militares estrangeiras, inclusive profissionais aposentados que voltaram à ativa.

Segundo ele, “nosso Exército está tentando se desenvolver a partir de experiências como a do Brasil. E estamos aqui para ver possibilidades de cooperação em treinamento militar e demanda de armas e demais equipamentos bélicos”, disse.

Na oportunidade, ficou acertado que o navio-patrulha “Araguari”, última das três embarcações adquiridas pela Marinha do Brasil junto ao Reino Unido, passará pela Libéria durante seu trajeto em direção ao Brasil, entre 23 e 26 de agosto, quando serão realizados exercícios conjuntos com a Marinha liberiana.

Além disso, haverá a participação de militares liberianos em um seminário sobre busca e salvamento, que deverá ocorrer em Salvador (BA) em data a ser confirmada.

No encontro também foram discutidas parcerias entre os respectivos exércitos e forças aéreas. De acordo com o comandante do Exército, general Enzo Peri, militares da Libéria poderão realizar treinamentos no Brasil, voltados para operações de paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *