Relações Exteriores

Os jogos de inverno de Sóchi e a geopolítica
17/01/2014
Guerra Civil
17/01/2014

Integração

Brasil garante apoio ao Paraguai e defende sua industrialização

Brasília – O governo brasileiro garantiu ao Paraguai apoio à sua industrialização com as visitas realizadas nesta semana pelos ministros Fernando Pimentel, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, e Luiz Alberto Figueiredo Machado, das Relações Exteriores, a Assunção. O interesse maior é na identificação de oportunidades de integração produtiva entre os dois países.

“Vamos identificar conjuntamente as oportunidades de integração e investimentos mútuos. Há uma intenção muito firme da presidenta Dilma de estreitar os laços entre os dois países”, afirmou Pimentel.

Segundo ele, o Brasil poderá financiar empresas brasileiras em obras de infraestrutura no Paraguai. O ministro acertou com seu contraparte paraguaio Gustavo Leite, a organização de uma visita de técnicos daquele país ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

De acordo com o MDIC, uma das oportunidades em curso é a construção da hidrelétrica de Yguazú, que terá capacidade instalada de cerca de 200 MW. Outra possibilidade de cooperação é o fornecimento de ônibus e veículos flex fabricados no Brasil, dentro de um programa de renovação da frota e de incentivo ao uso de biocombustíveis idealizado pelo governo paraguaio.

As empresas brasileiras são responsáveis por US$ 200 milhões em exportações para o Paraguai.

No entanto, a falta de conhecimento do empresariado brasileiro sobre o vizinho ainda é uma barreira aos negócios bilaterais. Para aumentar o intercâmbio entre os dois países, Pimentel acertou apoio a missões de negócios e de governo que o Paraguai organizará para apresentar oportunidades de investimento a empresários brasileiros.

Já há duas ações previstas: uma missão da Federação das Indústrias do Estado do Paraná a Assunção e uma missão de autoridades paraguaias, lideradas pelo ministro Leite, a São Paulo, que será organizada com apoio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *