Mundo

CNI assegura que que inflação e juros baixos vão ampliar oportunidades no Brasil
21/11/2017
CNI quer decisão oficial sobre fim de acordo marítimo entre Brasil e Chile
21/11/2017

Brasil, Portugal e mais cinco países assinam acordo para criação do AIR Center

Brasília – Representantes de sete países assinaram nesta segunda-feira, 20, a Declaração de Florianópolis para Implementação do Centro Internacional de Pesquisas Atlânticas (AIR Center). O documento é um avanço na cooperação para criar uma organização multilateral nos Açores voltada a pesquisar mudanças climáticas, sistemas de energia, ciências espaciais e de dados no Oceano Atlântico. A declaração possui 23 signatários, incluindo onze associações de pesquisa e quatro delegados da indústria.

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, considerou histórico o entendimento entre os países. “Estamos caminhando para um agrupamento que tende a ser extremamente representativo e respeitado. O que tem sido aqui discutido reflete uma convergência de vários pontos que nos permitem nessa declaração ter bastante harmonia”, disse.

Já o ministro de Ciência, Tecnologia e Educação Superior de Portugal, Manuel Heitor, afirmou que o entendimento é uma nova etapa em um processo que começou há 15 meses com a Declaração de Belém e acrescentou que o projeto está aberto a novas adesões. “Muitos participantes aqui devem assinar o documento mais adiante. Nós registramos interesse em participar por parte da África do Sul e de São Tomé e Príncipe. Queremos dar passos concretos, e o projeto é aberto aos interessados”, afirmou.

Além de Brasil e Portugal, assinaram o memorando Angola, Cabo Verde, Espanha, Nigéria, Uruguai e a Região Autônoma dos Açores. A próxima reunião de alto nível sobre o AIR Center está marcada para maio de 2018, em Cabo Verde. Os signatários do memorando de entendimento se dispuseram a formar e indicar representantes para um comitê diretor, onde serão tratados temas como a governança do centro e fontes de financiamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *