Brasília, 15 de novembro de 2018 - 05h22

América do Sul - Países Árabes

05 de abril de 2005
por: InfoRel
Compartilhar notícia:
Os Estados Unidos continuam pressionando o Brasil com o objetivo de participar da Cúpula América do Sul – Paà­ses àrabes, que será realizada em Brasà­lia, nos dias 10 e 11 de maio. O temor norte-americano é que o encontro, reunindo 34 chefes de Estado e de Governo, se torne palco contra a polà­tica externa dos Estados Unidos para o Oriente Médio, especialmente em relação a Israel.

Nesta segunda-feira, o chanceler Celso Amorim e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, estiveram com o Secretário-Geral da Liga dos Estados àrabes, embaixador Amre Moussa. Os dois garantiram que a Cúpula não será um ato contra os Estados Unidos ou Israel. O objetivo principal é aproximar as duas regiões e ampliar o comércio.

Moussa Amre revelou que a Liga àrabes quer investir na América do Sul, especialmente no Brasil. Na Câmara dos Deputados, Moussa esteve com o presidente da Liga àrabe-Brasileira, deputado Jamil Murad [PCdoB-SP], a quem afirmou que admira o sistema polà­tico brasileiro. Segundo ele, o paà­s tem uma democracia forte e um parlamento vibrante.

Segundo Jamil Murad, a Cúpula será um momento singular para a integração entre o Oriente Médio e a América do Sul. Ele espera que haja maior colaboração nos campos polà­tico, econômico, comercial e cultural. Ele lembrou que o Brasil tem uma população de mais de 10 milhões de descendentes de árabes.

Além dos acordos comerciais que devem ser firmados nos dois dias de encontro, os chefes de Estado e de Governo das duas regiões pretendem cobrar a aplicação de resoluções da ONU sobre terrorismo e armas de destruição em massa. Amorim preferiu não revelar se a declaração que será aprovada fará ou não menção a Israel.

Sobre a participação de outros paà­ses que não pertençam à s duas regiões, o Itamaraty é taxativo: não há qualquer possibilidade de participação, nem mesmo como observador.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...