Brasil

O Programa Espacial como fator de desenvolvimento tecnológico para a Defesa
28/11/2017
Brasil e Paraguai fortalecem cooperação em Segurança e Inteligência
28/11/2017

Brasil treina policiais para atuar na fronteira com o Paraguai

Brasília – O ministério da Justiça e Segurança Pública (MJ) realizou na semana passada, em Marechal Cândido Rondon (PR), a 41ª edição do Curso de Unidades Especializadas de  Fronteira, capacitação que contou com 37 policiais e militares que atuam na região de fronteira do Brasil com o Paraguai. A iniciativa tem como objetivo fortalecer a prevenção, o controle e a repressão dos delitos transfronteiriços e crimes em geral.

O treinamento durou dez dias e reuniu 16 disciplinas, como ‘Reconhecimento e Identificação de Drogas’, ‘Procedimentos Frente a Ocorrências Fronteiriças’, ‘Identificação de Artefatos Explosivos’, ‘Busca Veicular’ e ‘Táticas para Confrontos Armados’.

O curso é desenvolvido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp/MJSP) em parceria com a Secretaria de Segurança Pública do Paraná (SSP/PR). “Essas capacitações visam fortalecer as instituições de segurança pública nas fronteiras, qualificar o profissional de linha de frente para a redução da criminalidade violenta, em especial, a redução dos índices de homicídios”, destaca o Secretário Nacional de Segurança Pública, general Carlos Alberto Santos Cruz.

A região de fronteira do Brasil com outros dez países da América do Sul soma uma extensão de quase 17 mil quilômetros. “Esse cenário demanda que o Brasil prepare, de forma ainda mais qualificada e contínua, os policiais que monitoram essas áreas, em parceria com as instituições de segurança dos estados”, afirmou o general.

Dos 37 participantes da 41ª edição do curso, são 28 representantes da Polícia Militar e cinco da Polícia Civil do Paraná, dois da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e um da Polícia Federal (PF), além de um integrante da Marinha.

“A parceria com a Senasp/MJ é de fundamental importância”, destacou o major André Dorecki, comandante do Batalhão de Polícia de Fronteira da PM do Paraná sediado em Marechal Cândido Rondon (PR). “Além de proporcionar um treinamento de altíssimo nível aos servidores do estado, o curso aproxima os integrantes de várias unidades das forças policiais do estado e da União que atuam em municípios da faixa de fronteira com o Paraguai, o que certamente facilita a integração das ações que temos desenvolvido nessas regiões”, explicou.

As capacitações são promovidas pela Diretoria de Ensino, Pesquisa, Análise da Informação e Capacitação Profissional (Depaid) da Senasp/MJSP, sempre em parceria com instituições federais e estaduais, com turmas selecionadas formadas por policiais experientes.

“O objetivo é fortalecer o conhecimento em nível de policiamento de fronteira, aprimorar as técnicas policiais e trazer conhecimento em nível teórico sobre legislações e diligências para que o policial possa ser mais eficiente em seu trabalho e responder às necessidades de policiamento na região fronteiriça”, disse o coordenador do curso, capitão Eldison Martins do Prado. As aulas acontecem em cidades localizadas nos pontos mais extremos do país, a exemplo de Laranjal do Jari (AP), São Miguel do Guaporé (RO), Porto Esperidião (MT), Dourados (MS) e Santana do Livramento (RS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *