Brasília, 16 de janeiro de 2019 - 17h29

Câmara lança Frente em Defesa das Forças Armadas

08 de junho de 2006
por: InfoRel
Compartilhar notícia:
Lançada nesta quarta-feira, a Frente Plurissetorial em Defesa das Forças Armadas Brasileiras, iniciativa da Liderança do Partido Socialista Brasileiro (PSB), pretende desenvolver um programa de acompanhamento dos dos projetos de modernização das Forças Armadas.

De acordo com o deputado Alexandre Cardoso (PSB-RJ), a Frente vai trabalhar pelos programas de ciências, tecnologia e inovação com o objetivo de aperfeiçoar e melhorar a situação das forças, além de garantir a execução orçamentária que assegure aos três comandos, as condições de defesa do território e da soberania nacional.

Segundo o Comandante do Exército, General Francisco Albuquerque, a falta de investimento impossibilita o desenvolvimento de projetos, principalmente, na área de tecnologia. “Temos equipamentos com mais de 40 anos de uso. Se tivermos algum problema, como defenderemos a nossa soberania?”, questionou.

O brigadeiro Luiz Carlos Bueno, Comandante da Aeronáutica, destacou que a iniciativa dos parlamentares, mostra que o Legislativo está convencido da importância dos recursos mà­nimos investidos nas Forças Armadas para permitir o treinamento da tropa e garantir a soberania nacional.

O vice-presidente da República e ex-ministro da Defesa, José Alencar afirmou que a Frente em Defesa das Forças Armadas poderá garantir um orçamento seguro para o Exército, Marinha e Aeronáutica.

Na sua avaliação, para que o paà­s consolide sua democracia, paz social, progresso, integração nacional e integridade territorial, “ precisamos de uma força organizada."

Aldo Rebelo (PcdoB-SP), eleito presidente de honra do movimento, afirmou que "a Frente vem valorizar as Forças Armadas do Brasil como instituição de integração do nosso povo, do nosso presente e do nosso futuro, educando gerações de brasileiros e incentivando a atividade empresarial que a indústria de defesa representa".

Na avaliação do presidente da Câmara, o trabalho desse colegiado, que envolverá integrantes das três forças, do Executivo, Legislativo, dos empresários e do setor cientà­fico, permitirá que se reconheça o trabalho das instituições responsáveis pela integração do território nacional.

Além de Aldo Rebelo, participaram do lançamento da Frente, o vice-presidente, José Alencar, o ministro da Defesa, Waldir Pires, os Comandantes da Aeronáutica, Brigadeiro Luiz Carlos Bueno, do Exército, General Francisco Albuquerque e o Comandante da Marinha, Almirante Roberto de Guimarães Carvalho, além de deputados de vários partidos.