Brasília, 15 de novembro de 2018 - 13h50

Carro diplomático dos EUA transporta armas na Bolí

29 de maro de 2012
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - Um veículo com placa diplomática da embaixada dos Estados Unidos na Bolívia foi interceptado no Departamento de Beni transportando armas e munições, criando uma nova crise entre os dois países. De acordo com o governo boliviano, não existe acordo entre La Paz e Washington sobre o assunto.



O ministro da Defesa da Bolívia, Rubén Saavedra, também descartou que as armas seriam entregues à Polícia, como informou a embaixada norte-americana em nota.



A embaixada dos Estados Unidos depois informou que as armas seriam para a Polícia Nacional realizar a proteção das instalações diplomáticas norte-americanas no país, o que também foi negado pelo ministério de Relações Exteriores da Bolívia.



O Comando Geral da Polícia boliviana reiterou que não existe nenhum tipo de acordo ou convênio, nem mesmo em negociação, neste sentido. Além disso, estranhou que o transporte tenha sido feito durante a madrugada em veículo diplomático que não está sujeito a inspeções.



Em 2011, a embaixada dos Estados Unidos firmou um acordo com o governo de Beni sobre a proteção de instalações físicas, o que é irregular, pois qualquer acordo desta natureza só pode ser assinado entre países. Para piorar, o convênio expirou em 31 de dezembro de 2011.



Nesta quarta-feira, 28, o governo boliviano acusou os Estados Unidos de violar a Convenção de Viena e prometeu tomar as providências devidas junto ao corpo diplomático residente em La Paz.



Desde 1996 que a Bolívia e os Estados Unidos vivem as turras. Em 2008, o presidente boliviano chegou a expulsar o embaixador dos Estados Unidos no país, Phillip Goldberg, acusado de conspiração.



Há um mês, os dois países iniciaram um processo de reaproximação com a criação de uma Comissão Conjunta Bilateral destinada normalizar as relações e retomar a troca de embaixadores.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...