Brasília, 18 de novembro de 2018 - 21h52

Integração Regional

25 de janeiro de 2017
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Marcelo Rech, especial da República Dominicana



Punta Cana - O ministro de Relações Exteriores da República Dominicana, Miguel Vargas, destacou a importância do relacionamento extrarregional impulsionado, segundo ele, durante a presidência pro tempore do país da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (CELAC), no último ano. Nesta quarta-feira, 25, o presidente dominicano Danilo Medina, transfere a presidência do bloco ao colega salvadorenho Salvador Sánchez Ceren.



Na avaliação de Vargas, o trabalho realizado pela República Dominicana foi determinante para que o organismo se consolidara junto à comunidade internacional. “O caminho percorrido evidencia que os papéis que assumimos, como porta voz regional, interlocutor ante outras regiões e nações e articulador de uma agenda comum de desafios prioritários, estão em boas mãos”, afirmou.



Para Miguel Vargas, a consolidação da CELAC somente foi possível graças ao apoio recebido dos países que exerceram anteriormente a presidência pro tempore do bloco.



“Podemos dizer que demos um passo à frente na consolidação da CELAC como a voz da nossa região, como o interlocutor por excelência da América Latina e do Caribe frente aos mais importantes atores da comunidade internacional”, reforçou.



Entre os progressos destacados pelo chanceler dominicano em 2016, está o relançamento dos diálogos com União Europeia, Rússia, Coreia, Turquia, Índia e China, “com os quais ficou estabelecido que a CELAC é a parceira de cada um deles nesta região”, assinalou.



Com a União Europeia, destacou a importância da reunião de ministros de Relações Exteriores realizada em Santo Dominfo em outubro passado e que reuniu 30 chanceleres e 59 delegações das duas regiões em torno de uma agenda que incluiu o financiamento ao desenvolvimento e as mudanças climáticas, temas de interesse regional.



“Ainda no campo das relações extrarregionais, celebramos em Sochi, em novembro, a primeira reunião do Quarteto Ampliado de ministros de Relações Exteriores com a Rússia, da qual participou ativamente o chanceler Sergei Lavrov”, recordou. Com a Coreia foram celebrados dois intercâmbios importantes, o Seminário Tripartite CELAC, CEPAL, Coreia e a reunião da Troika ampliada da CELAC com o ministro de Assuntos Exteriores da Coreia, Yun Byung-se, à margem da 71ª Assembleia-Geral da ONU.



O ano de 2016 foi designado pela Coreia como “Ano Latino-Americano”, que contribuiu para incrementar a cooperação com alguns países da região em matéria de agricultura, desenvolvimento sustentável e mudanças climáticas.



Com Índia, a CELAC manteve reunião de chanceleres na qual se adotou uma Declaração Conjunta para o Estabelecimento de um Mecanismo Permanente de Diálogo Político e Cooperação, e com a Turquia, deu-se a primeira aproximação para que se crie um foro de diálogo bilateral.



Balanço



Durante o ano de 2016, a CELAC realizou 13 reuniões setoriais, das quais seis foram realizadas na República Dominicana, todas sobre temas prioritários em cumprimento dos mandatos acordados pelos Chefes de Estado e de Governo, além de profundar as ações para a erradicação da fome, “um tema de grande interesse do nosso presidente e da região”, lembrou Miguel Vargas.



Para a nação caribenha, um maior grau de segurança alimentar é um dos instrumentos mais efetivos para erradicar a pobreza na região, assim como a problemática relacionada com a gestão integral de Riscos de Desastres, também foi debatido durante a primeira reunião de Altos Funcionários, realizada na capital dominicana.


Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...