Relações Exteriores

Brasil – Venezuela
04/06/2007
Comunicado Conjunto Brasil – Índia
08/06/2007

Comunicado Conjunto do Grupo Ampliado, à margem da

Comunicado Conjunto do Grupo Ampliado, à margem da Cúpula do G-8

Os Chefes de Estado e/ou de Governo do Brasil, da China, da Índia, do México e da África do Sul reuniram-se esta tarde em Berlim, Alemanha, a convite do Presidente do México, Felipe Calderón.

O propósito do encontro foi compartilhar perspectivas e encontrar convergências sobre os temas que discutirão amanhã em Heiligendamm, durante as sessões do diálogo ampliado da Cúpula do G-8, bem como trocar impressões sobre vários temas internacionais relevantes.

Os cinco países também participaram das Cúpulas do G-8 em Gleneagles (2005) e São Petersburgo (2006). O Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Brasil, o Presidente Hu Jintao, da China, o Primeiro-Ministro Manmohan Singh, da Índia, o Presidente Felipe Calderón, do México, e o Presidente Thabo Mbeki, da África do Sul, reafirmaram sua convicção comum de que os países em desenvolvimento devem participar mais ativamente na consolidação de estratégias e iniciativas que
lidem efetivamente com os desafios de um mundo globalizado e crescentemente interdependente.

Concordaram em que seus cinco países, baseados em sua inegável força política e econômica, podem contribuir decisivamente para aumentar a participação dos países em desenvolvimento nesse processo.

Sobre as questões a serem discutidas em Heiligendamm com os países do G-8, os líderes notaram, com satisfação, as oportunidades para colaboração nos campos de investimentos transfronteiriços, pesquisa e inovação, mudança do
clima, energia e desenvolvimento.

A visão de consenso foi a de que todos esses desafios devem ser tratados a partir de uma perspectiva bilateral, regional e multilateral, levando-se em consideração interesses e capacidades dos diferentes Estados.

Durante suas conversações, os líderes também apresentaram suas idéias sobre certos tópicos de particular relevância para os países em desenvolvimento, tais como governança global, comércio internacional, biocombustíveis,
migrações e cooperação Sul-Sul.

Na reunião de Berlim, os líderes compartilharam pontos de vista sobre o futuro de sua participação no Diálogo Ampliado e sobre a conveniência de assegurar coordenação e seguimento das discussões entre os cinco países. Os líderes concordaram em manter consultas, em bases regulares, sobre assuntos de interesse comum e para coordenar suas posições.

Para esse fim instruíram seus Ministros das Relações Exteriores a se encontrarem à margem da próxima Assembléia Geral das Nações Unidas.

Os Chefes de Estado e/ou de Governo expressaram seus agradecimentos à Chanceler Merkel pelo convite para participarem da Cúpula do G-8 em Heiligendamm.

Os líderes dos cinco países encontraram-se anteriormente à margem da Cúpula de Gleneagles, a convite do Presidente Mbeki, da África do Sul, e da Cúpula de São Petersburgo, a convite do Presidente Lula, do Brasil. Berlim, 7 de junho de 2007.

Versão em inglês

Outreach Group Joint Communique on the margins of the G-8

The Heads of State and/or Government of Brazil, China, India, Mexico and South Africa held a meeting this afternoon in Berlin, Germany, at the invitation of Mexican President Felipe Calderón.

The purpose of the meeting was to share perspectives and find convergences about the topics that they will discuss tomorrow in Heiligendamm during the outreach sessions of the G8 summit, as well as to exchange views on various significant international issues. The five countries also participated in the G8 Summits in Gleneagles (2005) and St Petersburg (2006).

President Luiz Inácio Lula da Silva of Brazil, President Hu Jintao of China, Prime Minister Manmohan Singh of India, President Felipe Calderón of Mexico and President Thabo Mbeki of South Africa reaffirmed their shared conviction that developing countries must participate more actively in the consolidation of strategies and initiatives that effectively address the
challenges of a globalising and increasingly interdependent world.

They agreed that their five countries, based on their undeniable political and economic strength, can make a decisive contribution to increase the participation of developing countries in this process.

Regarding the matters that will be discussed in Heiligendamm with the G8 countries, the leaders were pleased to note opportunities for joint collaboration in the fields of cross border investment, research and innovation, climate change, energy and development.

The consensus view was that all of these challenges must be addressed from a multilateral, regional and bilateral perspective, taking into consideration the interests and capacities of the different States.

During their talks, the leaders also stated their ideas about certain topics of particular relevance to developing countries, such as global governance, international trade, bio-fuels, migration and South-South cooperation.

At the Berlin meeting, the Leaders shared views about the future of their participation in the Outreach Dialogue, and about the convenience of ensuring coordination and follow-up to the discussions among their five countries.

They agree on having consultations on a regular basis on issues of common interest and to coordinate their positions. To this end they instructed their Foreign Ministers to meet on the margins of the next UN General Assembly.

The Heads of State and/or Government expressed their thanks to Chancellor Merkel for the invitation to participate at the G8 Heiligendamm Summit.

The leaders of the five countries have met before on the margins of the Gleneagles Summit at the invitation of President Mbeki of South Africa and the St. Petersburg Summit at the invitation of President Lula of Brazil.

Berlin, June 7th, 2007.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *