Corporação Andina destinará US$ 2.5 bi para América Latina

A Corporação Andina de Fomento, decidiu destinar US$ 2,5 bilhões para que os países da América Latina possam fazer frente ao coronavirus, na forma de créditos contracíclicos de emergência. No dia 3, em Buenos Aires, a CAF já havia decidido liberar US$ 50 milhões para cada um dos países que integram o mecanismo, para serem aplicados nos respectivos sistemas públicos de saúde.  Ouros US$ 400 mil por país, para cooperação técnica não reembolsável, serão disponibilizados pelo banco.

A CAF é integrada por 19 países, sendo 17 da América Latina e Caribe, mais Espanha e Portugal, além de 13 bancos privados, sendo uma das principais fontes de financiamento multilateral da região.

Marcelo Rech – 22/03/2020

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *