Relações Exteriores

Programa FX2
24/09/2010
Alemanha, Brasil, Índia e Japão exigem reforma da
27/09/2010

Declaração Conjunta dos países do G-4 (Brasil, Ale

Declaração Conjunta dos países do G-4 (Brasil, Alemanha, Índia e Japão)

1. O Ministro das Relações Exteriores do Brasil, o Ministro Federal para os Negócios Estrangeiros da Alemanha, o Ministro das Relações Exteriores da Índia e o Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão se encontraram em Nova York, em 24 de setembro de 2010, à margem da 65ª Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, para trocar impressões sobre a reforma do Conselho de Segurança.

 

2. Os Ministros reiteraram a necessidade de uma reforma urgente do Conselho de Segurança, que incluiria a expansão de ambas as categorias de membros, permanentes e não-permanentes, assim como o aperfeiçoamento dos métodos de trabalho do Conselho, a fim de tornar o órgão mais representativo, legítimo, eficaz e sensível às realidades da comunidade internacional no século XXI.

 

3. Os Ministros notaram com satisfação o apoio maciço entre os Estados-membros à expansão de ambas as categorias de membros do Conselho de Segurança, incluindo países em desenvolvimento e desenvolvidos como novos membros permanentes.

 

Nesse contexto, ao passo que reiteraram apoio às suas respectivas candidaturas como aspirantes a novos membros permanentes, reconfirmaram sua visão da importância de que a África esteja representada na composição permanente de um Conselho ampliado.

 

Reconfirmaram também a necessidade de membros não-permanentes adicionais.

 

4. Os Ministros saudaram o início das negociações baseadas no texto solicitado por mais de 140 Estados-membros na 64ª Sessão da Assembleia Geral. Expressaram também satisfação com a decisão 64/568 da Assembleia Geral de continuar imediatamente as negociações intergovernamentais com base na segunda revisão do texto negociador universalmente solicitado, no plenário informal da 65ª Sessão da Assembleia Geral.

 

Também se comprometeram a continuar a participar ativamente dessas negociações, com vistas a alcançar resultados concretos na reforma do Conselho de Segurança durante a atual Sessão.

 

Os países do G-4 reafirmaram sua disposição de se aproximar de outros países e trabalhar em estreita cooperação com eles em direção a esse objetivo.

 

Celso Amorim

Ministro das Relações Exteriores do Brasil

 

Guido Westerwelle

Ministro Federal para os Negócios Estrangeiros da Alemanha

 

S. M. Krishna

Ministro das Relações Exteriores da Índia

 

Seiji Maehara

Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *