Brasil

Crimes Transnacionais
17/11/2016
Força de Paz
17/11/2016

Política

Defesa e Relações Exteriores terão agenda comum e mais parcerias

Brasília – Os ministros da Defesa, Raul Jungmann, e das Relações Exteriores, José Serra, deram início na última quinta-feira, 10, à definição de uma agenda comum entre as duas áreas, com a ampliação das parcerias.

Participaram do encontro, realizado no ministério da Defesa, os comandantes do Exército, general Eduardo Villas Bôas, da Força Aérea Brasileira (FAB), brigadeiro Nivaldo Rossato, o chefe do Estado Maior-Conjunto das Forças Armadas, almirante Ademir Sobrinho, os secretários-gerais da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, e do Itamaraty, Embaixador Marcos Galvão, o presidente do Conselho Superior de Comércio Exterior da FIESP (CONSEX), Embaixador Rubens Barbosa, o presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Embaixador Roberto Jaguaribe, além de subsecretários e chefes de departamento de várias áreas do Itamaraty.

No encontro, os comandantes militares expuseram temas das Forças Armadas que têm convergência com a agenda do Itamaraty, como a participação do Brasil em Missões de Paz da Organização das Nações Unidas (ONU), a cooperação em Defesa na América do Sul, a segurança das fronteiras, os Projetos Estratégicos das Forças Armadas, o financiamento para a Base Industrial de Defesa, a exportação de produtos de Defesa e a cooperação militar internacional, entre outros.

Raul Jungmann classificou como “histórico” o encontro e celebrou o fato de que, a partir de agora, os dois ministérios tratarão de forma mais sistemática assuntos da agenda comum. “São dois órgãos de Estado, que representam a soberania do Brasil. Daqui, vamos tirar um mecanismo de consulta permanente, no qual teremos essas duas pernas do Estado brasileiro atuando de forma mais conjugada, mais próxima, e, sobretudo, de acordo com os interesses diplomáticos, de Defesa, econômicos e comerciais do Brasil”, afirmou.

Também participaram do encontro o Secretário de Produtos de Defesa do MD, Flávio Basilio, o chefe de Assuntos Estratégicos, brigadeiro Alvani da Silva, o chefe de Operações Conjuntas, general Claudio Moura, e, representando o Comandante da Marinha, o chefe de Logística, almirante Luiz Henrique Caroli.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *