Agenda

Forças Armadas
22/04/2014
II Reunião Plenária do Grupo de Alto Nível Brasil
17/05/2014

Seminário

Defesa: evento discutirá contribuição para o desenvolvimento

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN), da Câmara dos Deputados, realizará no próximo dia 6 de maio, com a presença do ministro da Defesa, Celso Amorim, e dos comandantes da Marinha, Exército e Aeronáutica, o Seminário “Projetos Estratégicos das Forças Armadas: contribuição ao desenvolvimento nacional”, que reunirá especialistas civis e militares em torno do papel que a indústria nacional de Defesa tem para a economia do país.

O evento é coordenado pelos deputados Carlos Zarattini (PT-SP), presidente da Frente Parlamentar da Defesa Nacional, e Perpétua Almeida (PCdoB-AC), que preside no âmbito da CREDN, a Subcomissão Permanente dos Projetos Estratégicos das Forças Armadas, e será realizado em parceria com o Instituto InfoRel de Relações Internacionais e Defesa.

Na oportunidades, autoridades públicas, empresários, estudiosos, militares e membros do Corpo Diplomático, brasileiros e estrangeiros, analisarão o atual quadro dos projetos estratégicos de Defesa e como os mesmos podem alavancar o desenvolvimento nacional com o domínio de tecnologias sensíveis e a abertura de mercados para equipamentos bélicos fabricados no país.

Segundo Perpétua Almeida, “após a aprovação da Política Nacional de Defesa, da Estratégia Nacional de Defesa e do Livro Branco, em 2013, faz-se necessário um aprofundamento no atual estágio dos projetos estratégicos e na implementação dos mesmos”.

Há preocupação dos parlamentares com o cumprimento dos cronogramas e o contingenciamento de recursos. A deputada lamentou que cerca de R$ 3,5 bilhões tenham sido congelados dos projetos da Defesa. “Precisamos urgentemente encontrar uma forma permanente de financiar a Defesa, inclusive para que as empresas do setor possam investir em pesquisas que no longo prazo, reduzirão a dependência nacional em termos de equipamentos”, afirmou.

Para Carlos Zarattini, “o reforço tecnológico e a estruturação de equipamentos ao Exército, Marinha e Aeronáutica, compõem projetos que reforçam a cadeia produtiva da indústria de defesa”.

O seminário alinhará cinco eixos temáticos: A Estratégia de Defesa e a Estratégia de Industrialização; A Defesa Cibernética e a Defesa das Fronteiras; A Defesa do Espaço Aéreo Brasileiro; a Defesa dos Mares; e a Viabilização de recursos para a Defesa Nacional.

Na avaliação dos organizadores, a presença das principais autoridade militares das Forças Armadas e de representantes do setor produtivo, permitirá que o debate subsidie as ações legislativas na Câmara dos Deputados que possam impactar positivamente na definição de políticas públicas contundentes para o setor.

Serviço

O evento terá início às 9h e será encerrado às 18h e será realizado no Auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados. Confira a programação:

09h às 10h – Abertura

Presidente da CREDN, Deputado Eduardo Barbosa (PSDB-MG)
Presidente da Subcomissão Permanente para Acompanhamento dos Projetos Estratégicos das Forças Armadas, Deputada Perpetua Almeida (PCdoB-AC)
Presidente da Frente Parlamentar de Defesa, Deputado Carlos Zarattini (PT-SP)
Ministro da Defesa, Celso Amorim

10h às 11h – Mesa 1 – A Estratégia Nacional de Defesa e a estratégia de industrialização.

Coordenador – Deputado George Hilton (PRB-MG)
Ronaldo Carmona, pesquisador da Universidade de São Paulo (USP).
Murilo Marques Barboza, Secretário de Produtos de Defesa (Seprod) do Ministério da Defesa.
Jairo Candido, Diretor do Departamento da Indústria de Defesa da Fiesp e presidente da Imbra.
Carlos Erane, coordenador do Fórum Empresarial de Defesa e Segurança da Firjan, presidente do Sindicato da Indústria de Defesa e Segurança(Simde) e presidente da Condor.

11h às 12hs – Mesa 2 – A Defesa Cibernética e a Defesa das Fronteiras

Coordenador – Deputado Cláudio Cajado (DEM-BA)
General-de-Brigada Luiz Felipe Linhares, chefe do Escritório de Projetos do Exército (EPEX).
Jorge Ramos, presidente da ATECH.
General José Carlos dos Santos, comandante do Centro de Defesa Cibernética do Exército (CD Ciber).

14h às 15h – Mesa 3 – A Defesa do Espaço Aéreo Brasileiro

Coordenador – Deputado Emanoel Fernandes (PSDB-SP)
Major Brigadeiro do Ar José Augusto Crepaldi Affonso, presidente da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC).
Eduardo Marson, presidente da Helicópteros do Brasil (Helibras), responsável do Programa HX-BR (EC-725).
Carlos Augusto da Silva, presidente da AKAER (EED com participação acionária da SAAB), representante do consórcio de empresas responsável pelo Programa FX-2.
Jackson Schneider, presidente da Embraer Defesa e Segurança, que representará o Projeto KC-390.

15h às 16h – Mesa 4 – A Defesa dos Mares

Coordenador – Deputado Hugo Napoleão (PSD-PI).

Vice-Almirante Antonio Carlos Frade, diretor da Diretoria da Gestão dos Projetos Estratégicos da Marinha (DGePEM).
André Amaro, presidente da Odebrecht Defesa e Tecnologia (ODT).
Tarcísio Takashi Muta, presidente da Fundação Ezute, que representará o Projeto SisGAAz.

16h às 17h30h – Mesa 5 – Viabilização de recursos para a Defesa nacional

Coordenador – Deputado Nelson Pellegrino (PT-BA).
Miriam Belchior, ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão.
Luciano Coutinho, presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
Glauco Arbix, presidente da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).
Ari Mattos, Secretário-Geral do Ministério da Defesa.
Sami Hassuani, presidente da ABIMDE e da Avibras.

18hs – Encerramento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *