Defesa

Integração Econômica
11/11/2015
Diplomacia e Defesa
11/11/2015

Cooperação Militar

Defesa quem intensificar as relações com o Paraguai

Brasília – O ministério da Defesa quer intensificar as relações com o Paraguai e para tanto, o ministro Aldo Rebelo recebeu em audiência nesta quarta-feira, 11, o embaixador daquele país no Brasil, Manuel Maria Cáceres Cardoso. Durante o encontro, foram tratados temas relacionados as atividades bilaterais na área de Defesa, bem como assuntos de interesse bilateral.

“O nosso esforço de cooperação nessa área de Defesa é antigo e muito bem sucedido. Vamos intensificar, ampliar e buscar novos meios para torná-la um fator dinâmico entre Brasil e Paraguai”, afirmou o ministro.

O embaixador paraguaio lembrou que os países possuem temas importantes na área de Defesa e que o trabalho conjunto é o melhor caminho para obter resultados satisfatórios. “Temos também convites permanentes do Exército brasileiro para treinamento e a melhor forma de prepararmos pessoas é com intercâmbio”, ressaltou Cáceres.

Na terça-feira, 10, assumiu o novo ministro da Defesa do Paraguai, Diógenes Martínez que substitui o general Bernardino Soto Estigarribia, demitido na semana passada após divergências com o presidente Horacio Cartes. A saída do militar criou uma crise nas Forças Armadas no momento em que o governo é criticado por não conseguir combater o chamado Exército do Povo Paraguaio (EPP), que atua no norte. A presença do grupo que tem vínculos com o narcotráfico e organizações como as Farc da Colômbia, também preocupa os militares brasileiros.

Aldo Rebelo revelou que dentre suas prioridades de agenda está uma viagem oficial ao Paraguai para realizar um primeiro diálogo político-estratégico entre os dois países, em conjunto com o ministério das Relações Exteriores. “O primeiro esforço nosso é preservar a nossa história”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *