Agenda

Política Externa
18/03/2006
PUC-RJ
18/03/2006

Saúde Pública

Embaixada da Espanha realiza exposição sobre Aids na África

A Embaixada da Espanha abriu na última quarta-feira, 15, mostra do fotógrafo espanhol Pep Bonet sobre pessoas vivendo com aids na África.

A exposição Posithiv + é uma promoção da embaixada, em parceria com o Programa Nacional de DST e Aids do ministério da Saúde, da Organização Pan-Americana de Saúde [Opas] e do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre o HIV/Aids [Unaids].

Além das fotos de Bonet, a mostra apresenta a exposição Um olhar sobre a Aids, com cartazes produzidos pelo Programa Nacional de DST/Aids desde as primeiras campanhas.

Os temas apresentados mostram o panorama geral da epidemia no país, a importância da camisinha e a transmissão do HIV da mãe para filho – a chamada transmissão vertical.

Também serão realizadas três mesas-redondas reunindo especialistas, com as seguintes temáticas: aids e mídia [24 de março]. aids, arte e imagem [30 de março]. e aids e cultura [6 de abril].

As imagens da exposição são parte de uma viagem, iniciada em Zâmbia, no ano de 2003, em que o fotógrafo espanhol acompanhou o trabalho dos Médicos Sem Fronteiras, em assistência aos pacientes africanos. A viagem passou ainda pela República Democrática do Congo, Etiópia, Quênia, África do Sul, Angola, Somália e Sudão.

O trabalho de Posithiv + faz parte de um projeto maior de documentação completa da introdução dos anti-retrovirais e seus efeitos sobre os pacientes.

Atualmente, existem 43 milhões de pessoas vivendo com o vírus da aids no mundo. Desses, 95% vivem em países em desenvolvimento, sendo que 71% se concentram no continente africano. São mais de 25 milhões de pessoas, com um índice de 3,1 milhões de mortes anuais.

Cooperação

O Programa Nacional de DST/Aids mantem uma série de acordos de cooperação com a África na área de HIV/Aids, principalmente com os membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa [CLPL], como Moçambique, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde e Angola. Fora da CLPL, o Brasil tem acordo com Burkina Fasso.

A exposição segue até 29 de abril, no Centro Cultural Brasil-España [SEPS 707/907, lote D, asa sul], em Brasília, de segunda a sexta, das 9h às 21h, e, aos sábados, das 9h às 12h. A entrada é franca.

Maiores informações, com a Assessoria de Imprensa do Programa Nacional de DST e Aids, nos telefones:[61] 3448-8100 e 3448-8088. pelo fax:[61] 3448-8090. no correio eletrônico:imprensa@aids.gov.br, ou através do endereço na Internet: www.aids.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *