Brasília, 19 de novembro de 2018 - 06h23

Equador descarta bases militares estrangeiras

17 de fevereiro de 2012
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - O ministro coordenador de Segurança do Equador, Homero Arellano, descartou nesta quinta-feira, em Guayaquil, a instalação de bases militares estrangeiras para reforçar a luta contra a insegurança e a criminalidade na região.



Na sua avaliação, esse combate deve ser travado com maior cooperação entre os países, especialmente nas áreas fronteiriças.



Homero Arellano participou com o embaixador do Canadá no Equador, Andrew Shisko, de um seminário internacional sobre prevenção às ameaças biológicas.



"Como governo estabelecemos um conceito integral de soberania e autodeterminação dos povos. Sempre aceitaremos a cooperação internacional, mas isso não significa a instalação de bases militares estrangeiras em nosso território", explicou.



Arellano destacou que os ilícitos não são um patrimônio exclusivo de um país, mas se constituem num problema regional e transnacional.
Neste sentido, o Equador está fortalecendo suas relações com o Peru e a Colômbia.



O evento realizado em Guayaquil contou com delegações da Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Canadá, Estados Unidos, Peru e Venezuela, e foi organizado com o apoio da Organização dos Estados Americanos (OEA).



A idéia é fortalecer a segurança dos Estados para aumentar a capacidade de resposta ante um ataque bioterrorista.



O Chile reconheceu a importância do acordo firmado entre Equador e Peru para a criação de Unidades Unificadas de Controle Fronteiriço, destinadas ao controle do tráfico de armas, drogas, combustíveis e pessoas.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...