Defesa

Desafios para a Defesa Nacional serão discutidos e
15/02/2012
Brasil vai ceder helicópteros para liberação de re
17/02/2012

Equador descarta bases militares estrangeiras

Equador descarta bases militares estrangeiras

Brasília – O ministro coordenador de Segurança do Equador, Homero Arellano, descartou nesta quinta-feira, em Guayaquil, a instalação de bases militares estrangeiras para reforçar a luta contra a insegurança e a criminalidade na região.

Na sua avaliação, esse combate deve ser travado com maior cooperação entre os países, especialmente nas áreas fronteiriças.

Homero Arellano participou com o embaixador do Canadá no Equador, Andrew Shisko, de um seminário internacional sobre prevenção às ameaças biológicas.

“Como governo estabelecemos um conceito integral de soberania e autodeterminação dos povos. Sempre aceitaremos a cooperação internacional, mas isso não significa a instalação de bases militares estrangeiras em nosso território”, explicou.

Arellano destacou que os ilícitos não são um patrimônio exclusivo de um país, mas se constituem num problema regional e transnacional.
Neste sentido, o Equador está fortalecendo suas relações com o Peru e a Colômbia.

O evento realizado em Guayaquil contou com delegações da Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Canadá, Estados Unidos, Peru e Venezuela, e foi organizado com o apoio da Organização dos Estados Americanos (OEA).

A idéia é fortalecer a segurança dos Estados para aumentar a capacidade de resposta ante um ataque bioterrorista.

O Chile reconheceu a importância do acordo firmado entre Equador e Peru para a criação de Unidades Unificadas de Controle Fronteiriço, destinadas ao controle do tráfico de armas, drogas, combustíveis e pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *