Defesa

Amazônia Azul
13/07/2010
Navio Escola brasileiro percorre o mundo
13/07/2010

Equador recebe mais dois Super Tucano

Equador recebe mais dois Super Tucano

A Força Aérea do Equador (FAE) recebeu nesta segunda-feira, mais duas aeronaves Super Tucano adquiridas pelo Equador ao Brasil.

De um total de 18 aviões, dez já haviam sido entregues e a FAE espera receber o restante até o início de 2011.

O Super Tucano será utilizado para reforçar a vigilância da fronteira equatoriana com a Colômbia.

O governo de Rafael Correa decidiu pela compra após o ataque do Exército colombiano a um acampamento das Farc em Angostura, em março de 2008.

Na oportunidade, 25 guerrilheiros foram mortos, incluindo Raúl Reyes, então número 2 das Farc.

A Colômbia utilizou o Super Tucano na operação.

A aeronave será empregada prioritariamente nas missões de apoio aéreo aproximado, interceptação e patrulha.

A Força Aérea Equatoriana também informou que alguns dos Super Tucano serão utilizados para o treinamento de pilotos em substituição aos antigos A-37 norte-americanos e Strikemaster MK-89 britânicos.

Brasil doa aviões ao Equador

No início de julho, a Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei que autoriza o ministério da Defesa a doar um avião C-115 Búffalo ao Equador.

A aeronave, do acervo da Força Aérea Brasileira (FAB), será entregue no estado em que se encontra e as despesas com o seu traslado correm por conta do governo equatoriano.

A doação se dá por duas razões fundamentais: o Brasil possui aviões mais modernos e econômicos e o gesto fortalece a política de integração regional e construção da confiança.

Uma das razões para a FAB desativar esse modelo é a dificuldade em encontrar peças de reposição para a sua manutenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *