Brasília, 17 de novembro de 2018 - 14h19

EUA não descarta comprar Super Tucano da Embraer

03 de maro de 2012
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Rio de Janeiro - O Subsecretário de Estado dos Estados Unidos, William Burns, afirmou nesta quinta-feira, 1º, que Washington não descarta comprar 20 aeronaves de ataque leve Super Tucano, fabricados pela brasileira Embraer. Nesta semana, o avião foi desclassificado num processo de compra da Força Aérea norte-americana.



Burns fez questão de afirmar que essa intenção não guarda nenhuma relação com a decisão do governo brasileiro de comprar 36 aviões de caça para a Força Aérea. As declarações foram feitas após sua palestra sobre as relações Brasil - Estados Unidos na sede da Bolsa de Valores do Rio de Janeiro.



Segundo William Burns, "a Embraer é uma grande empresa e o Super Tucano um grande avião. Os Estados Unidos estão envolvidos em processos internos, mas segue interessado".



O contrato com a USAF renderia a Embraer algo em torno de US$ 355 milhões. Já a compra dos caças para a FAB está estimada em até US$ 7 bilhões.



"Não acredito que esses assuntos estejam relacionados. São temas diferentes", afirmou ao assegurar que a norte-americana Boeing continua na briga e com condições de vencer o processo brasileiro com o F-18 Super Hornet.



De acordo com Burns, "estamos convencidos que o F-18 é o melhor avião disponível e algo que confirma isso é que os Estados Unidos os utilizará pelos próximos 20, 30 anos. Estamos convencidos que o pacote de transferência de tecnologia que oferecemos junto com o avião não tem precedente na nossa relação e que é o melhor entre os já oferecidos ao Brasil".



William Burns encerra sua visita ao Brasil com reuniões de trabalho em Brasília onde se encontra com o chanceler Antonio Patriota e os ministros da Educação, Aloizio Mercadante, e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Fernando Pimentel.



Na capital, Burns vai tratar de questões mais delicadas para a política exterior dos Estados Unidos. Ele quer saber o que o Brasil pensa sobre a aproximação do Irã com a América Latina e se apóia ou não a participação de Cuba na Cúpula das Américas que será realizada em Cartagena, Colômbia, entre 9 e 15 de abril.



Além disso, o Subsecretário de Estado irá discutir com diplomatas brasileiros a agenda de trabalho da presidente Dilma Rousseff que estará em Washington no dia 9 de abril quando se encontrará com o presidente Barack Obama.



Cúpula das Américas



A Secretária de Estado dos Estados Unidos, Hilary Clinton, afirmou nesta quinta-feira, 1º, que não há nenhuma intenção de se convidar Cuba para a Cúpula das Américas que será realizada na Colômbia em abril.



Em depoimento na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados, presidida pela cubano-americana Ileana Ros-Lethiem, Clinton garantiu que essa possibilidade não existe.



A deputada republicana queria saber se os Estados Unidos cogitam boicotar a Cúpula se Cuba participar como querem os países da Aliança Bolivariana para os Povos da América (Alba). Clinton não respondeu à pergunta.



Para Hilary Clinton, Cuba não se encaixa na definição de país democrático, condição para que assista ao evento. Ela esteve na Câmara para defender o Orçamento do Departamento de Estado para 2013.


Warning: pg_exec(): Query failed: ERROR: invalid input syntax for integer: "" LINE 1: SELECT * FROM inforel.categoria_noticias WHERE id = ''; ^ in /home/inforel/www/classes/categoria_noticias.php on line 104

Warning: pg_fetch_array() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/inforel/www/classes/categoria_noticias.php on line 106

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...