Mundo

Lava Jato
24/02/2016
Crise
24/02/2016

Diplomacia

EUA terá plano para fechar a Base Militar de Guantánamo em Cuba

Brasília – O governo norte-americano por meio do Pentágono apresentará um plano para fechar a Base Militar de Guantánamo, em Cuba, promessa do presidente Barack Obama em seu primeiro período na Casa Branca, em 2009. Ainda não está confirmado se o plano será implementado antes ou durante a visita do presidente dos Estados Unidos a Cuba nos dias 21 e 22 de março.

O plano será apresentado nesta terça-feira, 23, pelo Departamento de Defesa ao Congresso norte-americano. Caso seja aprovado, a proposta será incorporada ao projeto de lei de defesa de 2016 que foi aprovado em novembro do ano passado. O projeto denominado “Lei de Autorização de Defesa Nacional” proíbe o uso de fundos para o traslado de detentos de Guantánamo para o território norte-americano.

Este é um dos temas que Estados Unidos e Cuba têm negociado desde o final de 2014 quando decidiram retomar as relações diplomáticas e políticas, no entanto, funcionários do próprio Pentágono defendem que o destino dos prisioneiros de Guantánamo seja decidido apenas em 2017 pelo futuro novo presidente norte-americano.

Por outro lado, Barack Obama parece determinado a concluir o seu mandato este ano, com a conclusão das negociações entre os Estados Unidos e Cuba, fechando a Base Militar e devolvendo Guantánamo ao país caribenho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *