Cúpula da Escócia
07/07/2005
Esquerdas
08/07/2005

Mercosul

Fiesp não concorda com criação de salvaguardas

A Fiesp é contra a possibilidade de adoção de Cláusulas de Adaptação Competitiva [CAC] no Mercosul, propostas pela Argentina e que devem ser discutidas nesta semana com o Brasil.

Para a entidade, a criação de tais mecanismos significaria um retrocesso no processo de integração entre os países do Cone Sul.

Além disso, contrariam as determinações do Tratado de Assunção, limitam a expansão do comércio bilateral e acarretam efeitos econômicos negativos que transcendem a região, garante a entidade.

Em nota oficial, a Fiesp se diz preocupada com a “a idéia de se criar um instrumento que permita acionar salvaguardas automáticas em caso de assimetrias dos ciclos econômicos ou das taxas de câmbio entre os dois países”.

Ainda de acordo com o comunicado, para que se consolide o processo de integração regional, é prioritário o cumprimento das metas do “Objetivo 2006”, que reflete, segundo a Fiesp, uma preocupação com a efetiva implementação dos compromissos já assumidos pelos Estados Partes do Mercosul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *