Defesa

OEA não acredita em concorrência com a CELAC
16/12/2011
Brasil quer investir em obras de infraestrutura em
16/12/2011

Força Aérea Peruana recupera capacidade operaciona

Força Aérea Peruana recupera capacidade operacional

Brasília – A Força Aérea Peruana (FAP) dará continuidade em 2012 ao processo de recuperação de sua capacidade operacional, com o desenvolvimento de tecnologia própria e a aquisição de novas aeronaves. Foi o que garantiu o Comandante-Geral da FAP, Pedro Seabra Pinedo em cerimônia realizada na Escola de Oficiais da Força Aérea.

Segundo ele, a FAP desenvolveu um veículo aéreo não tripulado equipado com dispositivos de guerra eletrônica e construído 100% com tecnologia nacional.

De acordo com Pinedo, o desenvolvimento desta aeronave representa um avanço tecnológico importante que implica também na economia de recursos para as Forças Armadas.

Além disso, destacou que todos os projetos de aquisição de aeronaves serão realizados sempre e quando houver compensações industriais, sobretudo com a transferência de tecnologia que permitirá ao Peru, potencializar sua indústria de defesa.

Ele acredita que o país terá em breve uma indústria aeronáutica moderna e autônoma.

O Comandante-Geral da FAB anunciou que ainda em 2011 chega ao Peru a primeira das 12 aeronaves de transporte Twin Otter que irão operar em missões cívico-sociais junto às populações que vivem nas regiões de fronteira e na Amazônia peruana.

Pinedo revelou ainda que o Peru já recebeu os helicópteros MI 171 e MI 35 que operam na região do vale dos rios Apurímac e Ene (VRAE), combatendo os focos narcoterroristas remanescentes. As operações contam com o apoio de aeronaves A378 de apoio tático.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *