Brasília, 19 de novembro de 2018 - 06h21

Honduras compra armamento de Israel

20 de novembro de 2011
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Tegucigalpa - O governo de Honduras anunciou que irá adquirir fuzis Galil, de fabricação israelense, para substituir os armamentos que já cumpriram mais de 30 anos de uso pelas Forças Armadas do país.



De acordo com o chefe do Estado Maior Conjunto, general René Arnoldo Osório Canales, Honduras comprará fuzis de Israel e buscará outros equipamentos de "países cooperantes".



Honduras também está em busca de um fuzil pequeno para assalto, semelhante aos Galil israelense. Com os Estados Unidos, o país tenta a compra de morteiros.



Osório explicou que muitas armas das Forças Armadas foram desviadas nos últimos anos. Um oficial está preso acusado de facilitar o sumiço do armamento. Atualmente, os militares hondurenhos possuem mil fuzis AK 47 que na verdade pertencem à Polícia Nacional.



Narcotráfico



Neste sábado, 19, o general Douglas Fraser, chefe do Comando Sul dos Estados Unidos, entregou às Forças Armadas de Honduras, dois aviões de treinamento de pilotos e patrulhamento para apoiar o combate ao narcotráfico naquele país.



Os equipamentos serão utilizados ainda em operações de reconhecimento de assistência humanitária.



Em dezembro, os Estados Unidos entregarão outros dois aviões Maule MX-T-7-180, para reforçar o combate ao tráfico de drogas e o contrabando.



Estes aviões são apropriados para voar em baixa altitude, possuem apenas um motor e são muito rápidos, indicados para múltiplas operações.



As doações feitas pelo Comando Sul fazem parte da Iniciativa de Segurança Regional para a América Central (CARSI) e a cooperação militar entre Estados Unidos e Honduras.



Neste sentido, os militares norte-americanos irão participar do treinamento de oficiais hondurenhos, intercâmbio educacional e de conhecimento, assim como de missões de assistência humanitária, exercícios bilaterais e multinacionais de capacitação.



 

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...