Brasília, 19 de outubro de 2018 - 00h54

Indonésia assina contrato para a compra de mais oi

13 de julho de 2012
por: InfoRel

Brasília - A Força Aérea da Indonésia assinou na última terça-feira, 10, o contrato comercial para a compra de um segundo lote de oito aviões turboélices de ataque leve e treinamento tático A-29 Super Tucano, fabricado pela Embraer.



De acordo com a empresa, o pedido inclui também um simulador de voo que será utilizado para instrução e treinamento dos pilotos indonésios. O país começará a receber os primeiros quatro aviões do primeiro lote em agosto de 2012 e as entregas do segundo lote em 2014.



Para o presidente da Embraer Defesa e Segurança, Luiz Carlos Aguiar, "esta decisão demonstra o reconhecimento da qualidade do Super Tucano no mercado internacional e estamos certos de que a aeronave desempenhará com eficácia e excelência as missões para as quais foi selecionada".



O A-29 Super Tucano foi escolhido pela Indonésia para executar uma ampla gama de missões, que incluem ataque leve, vigilância, interceptação aérea e contra insurgência.



Esta aquisição faz parte do plano de modernização de equipamentos das Forças Armadas da Indonésia para os anos 2009-2014.



A Embraer informou que o avião tem mais de 157 mil horas de voo e mais de 23 mil horas de combate.



O A-29 Super Tucano está equipado com as mais recentes tecnologias em sistemas eletrônicos, eletro-ópticos, infravermelho e laser, bem como sistemas de rádios seguros com enlace de dados.



O avião foi desenvolvido de acordo com as exigências da Força Aérea Brasileira (FAB).



Mais de 160 unidades já foram entregues e o A-29 é totalmente compatível com as operações de combate em ambientes complexos.



Segundo a Embraer, além da reforçada estrutura para operações em pistas não pavimentadas, o avião conta com avançados sistemas de navegação e pontaria de armas, o que lhe garante alta precisão e confiabilidade, utilizando tanto armamento convencional como inteligente, mesmo sob condições extremas.



O Super Tucano está em operação em seis forças aéreas, executando missões de treinamento avançado, vigilância de fronteiras, ataque leve e contra insurgência.

Assuntos estratégicos

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...