Assinatura do Acordo de Cartagena das Índias sobre
24/05/2011
Forças Armadas
25/05/2011

Irã promove Conferência Internacional contra o Ter

Irã promove Conferência Internacional contra o Terrorismo

Movimentos sociais de 81 países promoveram entre os dias 14 e 15 de maio, a Conferência Internacional contra o Terrorismo e pela Paz Mundial, em Teerã.

O evento contou com a presença do presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad que se reuniu com 205 delegados e ativistas dos principais movimentos sociais dos Estados Unidos e países da América Latina, África, Ásia e Europa.

Países como Afeganistão, Paquistão, Egito, Tunísia, China, Espanha, Rússia, Brasil e Venezuela, enviaram comitivas significativas.

O advogado brasileiro Acilino Ribeiro, lançou a campanha “Desarmar o mundo para alimentar os povos” e propôs a criação do Tribunal Penal da História (TPH).

Segundo ele, “para julgar moralmente criminosos de guerra e terroristas como os que atualmente provocam guerras no mundo e que tenham promovido genocídios contra a humanidade e devem permanecer no lixo da história”.

Na avaliação de Acilino Ribeiro, a postura de Mahmoud Ahmednejad incomoda os Estados Unidos por que a Paz Mundial não interessa ao complexo industrial militar norte-americano.

“Esse complexo gasta milhões de dólares em campanhas publicitárias e promovendo o terrorismo de Estado, midiático, religioso e policial, vendendo armas e fazendo guerras”, afirmou.

Ribeiro destacou a participação no evento, do Físico Nuclear italiano, Massimo Santi; da advogada britânica dos direitos humanos, Victoria Katherine; do escritor equatoriano Jaime Zavala; do presidente do Comitê Iraquiano de Combate ao Terrorismo, Ali Alssaray; do economista chinês e professor da Universidade de Pequim, Ding Dou; do presidente da União dos Escritores Árabes e professor da Universidade de Damasco, Hussen Juma; do Bispo da Igreja Ortodoxa Grega, Ignatios Stavropoulos; de dois rabinos norte-americanos e do padre Dimitri Stravos que integrou a delegação brasileira.

De acordo com os organizadores, a Conferência teve quatro eixos e debateu dentre outros assuntos: 1. Concepções e Contextos, Definições e Tipologia; 2. Atores, Estruturas e Funcionamento; 3.  Cultura e Mídia; e 4. Paz Justa, Prevenção e Eliminação do Terrorismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *