Brasil

Política Externa
07/10/2014
Espaço
07/10/2014

Crime Organizado

Israelense fornecerá veículos para a Polícia Federal

Brasília – A Polícia Federal brasileira selecionou o consórcio da Plasan Sasa e Atech, subsidiária da Embraer Defesa e Segurança, para fornecer uma solução única de quatro veículos para ajudar no combate ao crime organizado. A força-tarefa veicular será equipada com sistemas de Inteligência, Vigilância e Reconhecimento (ISR) avançados, possibilitando a capacidade proativa da PF no combate aos métodos cada vez mais sofisticados utilizados por organizações do crime organizado. O projeto é estimado em US$ 7,5 milhões.

De acordo com a empresa, a Plasan trabalhou com a Atech no desenvolvimento do perfil da missão e conceito de operação para a Polícia Federal brasileira. O resultado é uma força-tarefa, com base em vários tipos de veículos, realizando diferentes etapas da missão: ISR, Comando e Controle, resposta e intervenção rápida.

Os veículos blindados estão encobertos, assemelhando-se a veículos comuns. Possuem equipamentos sofisticados de vigilância, detecção e comunicação, bem como com um sistema de comando e controle.

A blindagem integrada permite a equipes e veículos maior capacidade de sobrevivência, com impressionante capacidade de manobra em todos os tipos de terrenos e climas. A comunicação segura entre os veículos simplifica as tarefas de comando e controle.

Os veículos blindados também possuem Plataforma de Integração com o Veículo (VIP), que permite a integração fácil e rápida de diferentes sensores e sistemas localizados dentro do veículo, fornecendo uma plataforma comum e padrão para diferentes sistemas.

Com a VIP, os sensores e sistemas do veículo compartilham informações e dados coletados pelos sensores. Essa solução está em conformidade com as mais recentes normas de Arquitetura Genérica de Veículos (GVA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *