Mundo

Comunicado Conjunto Brasil – Argentina
26/04/2016
Comércio Exterior
26/04/2016

Política

Juiz espanhol afirma que Lula e Dilma são vítimas de um golpe

Brasília – O juiz espanhol Baltasar Garzón que em 1999, ordenou a prisão do ditador chileno Augusto Pinochet, afirmou em artigo publicado no jornal El País, de Madri, que Lula e Dilma são vítimas de um golpe perpetrado por aqueles que “desejam alcançar o poder a qualquer preço”. Na sua avaliação, a presidente e o ex-presidente “representam o melhor projeto em termos de política social e inclusiva”.

Baltasar Garzon advertiu ainda que “o povo brasileiro nunca perdoará este ataque frontal à democracia e ao Estado Democrático de Direito”. Em seu artigo intitulado “Ética política e Justiça no Brasil”, o magistrado sustentou que o processo de impeachment aprovado pela Câmara dos Deputados e em tramitação no Senado Federal, constitui-se “numa manobra de golpe gestado institucionalmente por parte de quem só está interessado em alcançar o poder a qualquer preço”. Ele avalia que o processo brasileiro se assemelha muito com os processos recentes no Paraguai e em Honduras.

Segundo ele, “dói nas entranhas observar que pessoas, referentes da boa política defensora dos direitos dos povos, se vejam na alça de mira das corporações”. “O objetivo (do processo) não é sequer, como dizem, acabar com o projeto político do Partido dos Trabalhadores e seus máximos expoentes, mas submeter a população de forma irreversível, a um sistema político controlado pelos mais poderosos economicamente”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *