Defesa

Submarino Nuclear
26/08/2009
Aliança Estratégica
03/09/2009

Programa FX2

Lula demonstra preferência pelo caça francês Rafale

Em entrevista à Agência France Press (AFP), TV5 e Le Monde, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, revelou que em relação à licitação para a escolha do novo caça para a FAB, o Brasil dará preferência ao modelo que assegurar transferência de tecnologia e explicou que apenas a França deu essa garantia.

Além do Rafale fabricado pela Dassault, disputam o Pograma FX2, o sueco Gripen e o norte-americano F18 Super Hornet, da Boeing.

A Força Aérea Brasileira pretende adquirir 36 aeronaves que poderão ser entregues a partir de 2014. A operação deverá custar cerca de US$ 4 bilhões aos cofres públicos.

Lula explicou que o Brasil não abre mão da transferência de tecnologia. Segundo ele, “nós sabemos que a França é o único país importante disposto a discutir conosco a transferência de tecnologia”.

Nesta segunda-feira, 7, Lula se reúne com o presidente francês Nicolas Sarkozy em Brasília.

Os dois deverão assinar os contratos para a construção de quatro submarinos Scorpène e um nuclear e de 50 helicópteros EC 725 Super Cougar.

O financiamento internacional  de cerca de 6 bilhões de euros foi aprovado em tempo recorde pelo Senado.

Os concorrentes do Rafale agora torcem para que a decisão do Brasil não seja anunciada no dia da Independência. Querem ganhar tempo para virar o jogo.

Analistas acreditam que a afirmação de Lula pode ser um índicio de que a decisão já está tomada.

Lula explicou que a França foi o país mais flexível em relação à transferência de tecnologia. “O que obviamente é uma vantagem comparativa excepcional”, afirmou.

O presidente discutiu o assunto nesta quinta-feira com o ministro da Defesa, Nelson Jobim, e o Comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito. Ele ainda pode conversar com Sarkozy para anunciar uma decisão em primeira mão.

Brasil e França firmaram em 2008, um acordo de parceria estratégica na área de defesa que inclui os contratos dos submarinos  e helicópteros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *