Brasília, 10 de dezembro de 2018 - 01h15

Diplomacia

03 de maio de 2005
por: InfoRel
Compartilhar notícia:
O assessor internacional do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Marco Aurélio Garcia, afirmou nesta terça-feira, que o Brasil nunca reivindicou o papel de là­der regional da América do Sul.

Ele garantiu que o Brasil quer a Argentina industrializada e forte. “O governo nunca reivindicou liderança, algo que não se busca. Para o Brasil, o êxito da integração está nas parcerias com os demais paà­ses”, afirmou.

Para o assessor da presidência, o que falta é uma maior coordenação entre os paà­ses sul-americanos. Com a eleição do chileno José Miguel Insulza para a Secretaria-Geral da OEA, o Brasil espera que a organização exerça o seu papel polà­tico na região.

Segundo Garcia, há setores que estão interessados em fragilizar as relações entre os dois paà­ses. Ele não disse que setores são esses. Embora a adoção de salvaguardas estejam sendo estudadas, Garcia acredita que o melhor caminho para a solução dos conflitos está na criação de linhas de financiamento para as empresas do Mercosul.

Essas linhas de financiamento poderão ser criadas no âmbito do BNDES e serviriam para induzir o crescimento da região. “A criação da Comunidade Sul-Americana de Nações pode fortalecer essa estratégia”, disse Garcia.

Ele voltou a sustentar a importância das relações do Brasil com a Argentina, tanto do ponto de vista bilateral como para a consolidação da Comunidade Sul-Americana de Nações. Para ele, alguns ruà­dos refletem apenas conhecidas dificuldades comerciais e econômicas entre os dois paà­ses.

Para Marco Aurélio Garcia, a criação da Comunidade Sul-Americana de Nações não vai pôr fim ao Mercosul que precisa avançar com maior institucionalização. Sobre os contenciosos comerciais, afirmou que não é só a Argentina que reclama.

“O que existem são problemas de percepção e o Brasil está se dando conta que a Argentina enxerga uma pretensão hegemonista do Brasil. Talvez não tenhamos sido suficientemente claros quanto as nossas posições”, concluiu.

Assuntos estratégicos

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...