Brasil

Política Externa
06/07/2016
Terrorismo
12/07/2016

Política Externa

MERCOSUL não encontra consenso e decisão sobre Venezuela é adiada

Brasília – Os ministros de Relações Exteriores dos países fundadores do MERCOSUL não chegaram a um consenso em reunião realizada nesta terça-feira, 11, em Montevidéu, e a decisão sobre a Venezuela foi adiada. Os chanceleres do Brasil, José Serra, e da Argentina, Susana Malcorra, não participaram do encontro. A ministra de Relações Exteriores da Venezuela, Delcy Rodríguez foi ao Uruguai, mas reuniu-se apenas com membros da Frente Ampla, coalizão de esquerda que governa o país.

Na próxima quinta-feira, 14, os ministros voltam a se reunir também em Montevidéu. Na semana passada, José Serra pediu que o Uruguai não transferisse o comando do bloco à Venezuela e que uma decisão sobre o tema ficasse para agosto. De acordo com a chancelaria uruguaia, o país pretende passar a presidência pro tempore do MERCOSUL aos venezuelanos o quanto antes.

No encontro desta terça-feira, ficou acertado apenas que uma decisão final terá de ser resultado do consenso entre os membros fundadores do bloco. “Para o governo do Brasil, está claro que existe um problema de política na Venezuela”, afirmou o Subsecretário da América do Sul, Central e do Caribe do Itamaraty, embaixador Paulo Estivallet. “Existe um problema que coloca em dúvida se, neste momento, as credenciais [da Venezuela] para assumir a presidência [rotativa do Mercosul] são as esperadas”, acrescentou. Ele representou o Brasil na reunião.

Para o Itamaraty, a Venezuela não está em condições de assumir a liderança do bloco, porque ainda não concluiu  o processo de adesão. Para tanto, o país teria que incorporar cerca de 500 normas de integração até meados de agosto – algo que dificilmente conseguirá fazer em um mês. Entre os integrantes do bloco regional, o Paraguai é o maior crítico da Venezuela e defende que o país sofra sanções, pois houve uma ruptura da ordem democrática. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *