Brasília, 14 de novembro de 2018 - 05h53

Reforma Ministerial

21 de fevereiro de 2005
por: InfoRel
Compartilhar notícia:
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem agido com extrema diplomacia para contornar os estragos provocados para o governo, com a eleição de Severino Cavalcanti [PP-PE], para a presidência da Câmara. Ele tem dito que Severino é um aliado e que o governo vai trabalhar com qualquer presidente que for eleito no Congresso.

Na prática, o governo sabe que terá de mexer muito bem no xadrez da Reforma Ministerial para inserir um nome de peso entre aqueles que agora comandam a Câmara. Fala-se em João Paulo Cunha para a liderança do governo, e o PT não conseguiu definir o là­der da bancada.

O problema, no entanto, vai continuar no Planalto. Enquanto José Dirceu e Aldo Rebelo estiverem medindo forças, o governo vai continuar perdendo. João Paulo é discà­pulo de Dirceu e acredita que Rebelo foi o principal artà­fice da derrota da emenda da reeleição na Câmara.

O que o Planalto já tem muito claro é que o PT precisa de um là­der capaz de aglutinar a base e o governo, um là­der que possa impor-se em relação à queles que agora comandam a Casa. O deputado Professor Luizinho não tem agradado há tempos.

Para piorar a situação, o PP de Severino Cavalcanti não quer mais o ministério dos Esportes. Com a ascensão do partido através de Cavalcanti, o partido passa a exigir um ministério de peso.

Um não, dois! E, o governo ainda precisa definir qual o tamanho do PMDB na Esplanada. Dependendo disso, Garotinho pode ou não ter seu futuro bem encaminhado.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...