Brasília, 10 de dezembro de 2018 - 08h02

Energia

14 de dezembro de 2016
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - O governo boliviano informou nesta terça-feira, 13, que o novo acordo para a exportação de gas para o Brasil está atrasado por conta da crise política brasileira. De acordo com o embaixador da Bolívia em Brasília, José Kinn, há um panorama adverso sobre o curso das negociações bilaterais. O atual contrato expira em 2019.



Na avaliação do ex-ministro de Hidrocarbonetos da Bolívia, Herbert Muller, um novo acordo com o Brasil “será difícil e complicado”. Ele acredita ainda que mesmo arranacando um novo acordo com o Brasil, a Bolívia terá de entender que o preço estará sujeito à volatilidade do mercado.



José Kinn reconhece que a recessão econômica brasileira é outro elemento que impede avanços nas negociações para a compra e venda do gás. Kinn revelou que as negociações não avançaram e ainda estão em uma etapa embrionária.



Cana-de-açúcar



Enquanto os dois países não fecham um novo acordo para o gás natural, o Instituto Boliviano de Comércio Exterior (IBCE) alerta que o Brasil lançará em 2017 um espécie de cana-de-açúcar transgênica resistente a pragas e à seca, que poderia afetar os produtores bolivianos com a redução nos preços do açúcar e do álcool.



De acordo com o diretor-geral do IBCE, Gary Rodríguez, “com menores custos de produção e maiores rendimentos, o Brasil, primeiro produtor mundial de cana-de-açúcar, ganhará maior competitividade o que poderia deprimir o preço do açúcar e do álcool, obrigando a que a Bolívia tenha de aumentar a sua competitividade”, explicou.



Rodríguez recordou os benefícios que a biotecnologia pode trazer para os produtos bolivianos. “Assim como a biotecnologia ajudou de forma determinante a produzir mais de um milhão de hectares de soja em Santa Cruz, assim também, que se permita utilizar a biotecnologia para a cana-de-açúcar”, defendeu.



Os empresários bolivianos cobram medidas e ações do governo para que o setor produtivo adote a biotecnologia como forma de tornar os produtos do país atraentes e competitivos. Eles querem produzir mais com menos custos e entendem que se a biotecnologia não for implementada, haverá retrocesso com impacto na economia interna.


Assuntos estratégicos

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...