Brasília, 11 de dezembro de 2018 - 21h44

ONU preocupada com ‘zona de fogo’ declarada por Is

20 de agosto de 2012
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - O Coordenador Humanitário das Nações Unidas para o território palestino ocupado, Maxwell Gaylard, expressou na última quinta-feira, 16, preocupação com os mais de mil palestinos que foram forçados a deixar suas casas na região das colinas do sul de Hebron depois de as autoridades israelenses designarem a área como zona de fogo de treinamento militar, informou a ONU.



"Essas já são algumas das famílias mais vulneráveis na Cisjordânia - forçosamente deslocá-las de suas casas e terras traria um sério impacto imediato, assim como de longo prazo, sobre o bem-estar emocional, socioeconômico e físico", avaliou Gaylard.



De acordo com a ONU, aproximadamente 18% da Cisjordânia foi designada pelas autoridades israelenses como "zona de fogo". A maioria dessas áreas está sob pleno controle de Israel nas questões de segurança e planejamento.



A Coordenação Humanitária das Nações Unidas assegura que cerca de cinco mil palestinos, a maioria de beduínos e pastores, vivem em locais assim designados e muitos enfrentam sérias restrições de circulação, acesso a serviços básicos e ainda estão sujeito à violência e à perseguição por parte dos soldados.



Segundo Maxwell Gaylard, "a comunidade humanitária reitera seu apelo ao governo de Israel para interromper imediatamente as demolições de casas e propriedades palestinas e para estabelecer um zoneamento justo e equitativo e um sistema de planejamento".



"Israel, como poder de ocupação, tem uma obrigação sob o direito internacional de proteger os civis palestinos e de administrar o território de uma forma que garanta o bem-estar e as necessidades básicas [desse povo]", lembrou.

Assuntos estratégicos

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

O Senado do Paraguai postergou para março de 2019 a análise de três projetos de...
Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Na última terça-feira, 4, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o ministro...
Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...