Brasília, 19 de dezembro de 2018 - 02h23

Integração Regional

02 de outubro de 2014
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília – O ministro da Fazenda do Paraguai, Germán Rojas, afirmou que Argentina e Brasil estão retendo os recursos do Fundo para a Convergência Estrutural do MERCOSUL (FOCEM), já aprovados para aquele país. Segundo ele, a decisão é uma represália às posições do Paraguai em relação ao bloco.



Rojas afirmou que o país tem adotado uma postura firme que incomoda os demais parceiros, mas não deu detalhes acerca dos temas em discussão. No entanto, destacou que o Paraguai deve lidar com uma desvantagem enorme por ser o de menor desenvolvimento econômico do Mercosul e “praticamente indefeso contra Argentina e Brasil que têm muita força”.



O Paraguai reclama das travas impostas pelos gigantes do bloco que impedem o país de receber cerca de US$ 300 milhões do FOCEM. De acordo com o ministro da Fazenda, estes recursos devem ser aplicados na construção da segunda etapa da Avenida Costaneira de Assunção e em obras complementares como a segunda ponte internacional com o Brasil sobre o Rio Paraná.



Rojas recordou que o Paraguai aceitou retornar ao Mercosul em 2013 “apostando na boa fé dos seus parceiros”, depois de ter sido excluído do bloco em 2012 por conta da destituição do ex-presidente Fernando Lugo.



Em Nova Iorque, o embaixador paraguaio Antonio dos Santos, denunciou nesta quarta-feira, 1º, as dificuldades do seu país acessar o mercado internacional por não ter um litoral e “devido as assimetrias, as restrições ao livre trânsito por Argentina e Brasil e por não receber um tratamento diferenciado que lhe permita ser mais competitivo”.


Assuntos estratégicos

Senado aprova projeto de combate ao Terrorismo e à lavagem de dinheiro

Senado aprova projeto de combate ao Terrorismo e à lavagem de dinheiro

Brasília – O Senado aprovou nesta quarta-feira, 12, o projeto de lei da senadora Ana...
Foz do Iguaçu terá sistema pioneiro de migração fronteiriça

Foz do Iguaçu terá sistema pioneiro de migração fronteiriça

Brasília - A fronteira de Foz do Iguaçu com a Argentina será a primeira do...
Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Brasília – O Projeto de Lei que proíbe a concessão de visto e determina a...
Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasília – O governo federal, por meio da Agência Espacial Brasileira (AEB) quer...
Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

O Senado do Paraguai postergou para março de 2019 a análise de três projetos de...
Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Na última terça-feira, 4, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o ministro...
Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...