Brasília, 15 de outubro de 2018 - 19H43

Parlamento Amazônico busca consolidar sua instituc

22 de janeiro de 2014
por: InfoRel

Brasília - O Parlamento Amazônico, integrado por Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname e Venezuela, implementará um Tratado para consolidar sua institucionalidade com normas supranacionais e vinculantes.



De acordo com o presidente do Parlamaz, o peruano Marco Picardo, um documento sobre o tema está sendo trabalhado com o ex-Secretário-Geral da ONU, Javier Pérez de Cuellar, e será apresentado aos demais países.



O Tratado pretende acelerar os processos de desenvolvimento econômico, social e cultural dos oito países membros.



Na próxima semana, um grupo de parlamentares da Bolívia, Peru e Venezuela se reunirá em Arequipa para dar forma ao documento. Nenhum parlamentar brasileiro foi indicado para o evento.



O Parlamento Amazônico foi fundado por iniciativa do Congresso peruano, em Lima, nos dias 17 e 18 de abril de 1989.



Além disso, o único organismo internacional com sede em Brasília é a Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA).

Assuntos estratégicos

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...